*Psst* Notice anything different? 👀 Find out more about Wattpad's new look!

Learn More

Capítulo LVI

Começar do início

-Shhh...-Pedi eu pondo o dedo indicador sobre os meus lábios e ele calou-se logo.-Quem é que manda aqui? Maya Ross White!-Sussurrei em tom de celebração e o rapaz ao meu lado revirou os olhos.

De repente, ouviu-se alguém a abrir a porta do quarto acima de nós e os níveis de adrenalina no meu corpo começaram a disparar. Quando se ouviu o barulho de algo a cair, seguido de um "ouch" da parte da pessoa que tinha levado com o balde na cabeça, o meu meio irmão agitou a Coca-Cola, abriu-a e colocou um mento lá dentro fazendo com que esta saísse disparada da garrafa. O meu ex-inimigo apontou para a janela do quarto e fez com que o refrigerante, que saia a uma velocidade enorme da embalagem, fosse entrasse naquela divisão. E eu estava ali ao lado num misto de adrenalina e riso baixo compulsivo.

-Mas que raio é que se está a passar?!-Ouvi o Calum a perguntar de dentro do seu quarto enquanto se aproximava da janela.

Rapidamente o Ashton pousou a garrafa no chão, fazendo com que nós os dois também nos molhássemos um pouco com a Coca-Cola que ainda estava a sair. Começámos a correr dali para fora até ao lado oposto do quintal.

-Mentos e Coca-Cola: feito. Agora que venha a manteiga e o queijo aos fios.-Disse-me o Ash baixinho.

Assim que ouvimos passos a sair daquela casa e a ir em direção ao local onde estava a garrafa de Coca-Cola, começámos a correr em direção à entrada com cuidado para que o Calum não nos visse.

O meu ex-inimigo entrou primeiro na casa e começou a subir as escadas e eu comecei a deitar a manteiga líquida pelo hall de entrada todo.

Sem pressão, Maya, mas se falhares agora, está tudo perdido. Obrigada, subconsciente. Não me puseste pressão nenhuma, sente a ironia.

Quando o hall já estava todo besuntado eu, fui para a sala e liguei a aparelhagem no máximo, correndo para as escadas e subindo as mesmas assim que o fiz.

Quando cheguei lá a cima vi o Ashton com um sorriso enorme na cara a dançar ao som de "22" da Taylor Swift.

Revirei os olhos e depois ouvi o Calum a abrir a porta de casa e a gritar.

-Quem está a....ouch! Porra!-Ele queixou-se escorregando na manteiga. Ele ainda deve demorar um bocado até conseguir sair do hall. Pensei eu.

Dirigi-me para o seu quarto com um sorriso parvo na cara mesmo atrás do rapaz de bandana. Este saiu pela janela e desceu para o quintal segurando-se na árvore. Eu ia fazer o mesmo mas depois virei-me para trás e vi o quão desarrumado o quarto dele estava. Não estava completamente desarrumado.

Tens razão, Maya, falta aqui qualquer coisa.

Peguei no spray de queijo, que apenas ia utilizar para espalhar pelo carro do meu ex, e sujei o quarto todo.

Muito melhor! Agora desanda daqui. O meu subconsciente lembrou e eu saí do quarto pela janela usando a árvore como apoio para descer.

Assim que os meus pés tocaram o chão um sorriso enorme formou-se na minha cara.

-Corre, roomie. Os pais dele devem estar a chegar.-O meu meio irmão avisou e começou a correr em direção ao carro do Cal, pegando na minha mão e guiando-me com ele.

Eu juro que o meu coração ia sair do meu peito a qualquer momento. Acho que nunca me tinha sentido assim. Nunca me tinha sentido assim tão viva.

Peguei no spray que lançava queijo aos fios e comecei a lançar queijo pelo carro todo mal cheguei lá.

-Isto vai ficar peganhento! Yey!-O rapaz de bandana comentou com um sorriso enorme e as suas covinhas adoráveis na cara.

Continuei a espalhar aquilo pelo carro dele até me parecer que estava suficiente mal e depois parei.

Roomies || 5SOS [Editing]Leia esta história GRATUITAMENTE!