Capítulo 25: Quem é o fantoche?

1.4K 230 13
                                    


Três dias depois, Erfang xiaojie/ Li Chang Ru, não conseguia esperar mais e colocou imediatamente o vestido novo. O vestido era feito de seda Jingqiao. O vestido amarelo esverdeado era radiante e deslumbrante. Uma fênix estava bordada no vestido e quando ela andava, a mudança de cores e estampas era surreal. Comparado aos outros dias, Chang Ru pareceu ainda mais elegante. Quando ela apareceu em em He Xiang Yuang, atraiu a atenção de todos.

Logo depois, a Li Zhang Le apareceu segurando o gato da sorte dela. No momento em que ela notou o vestido radiante e deslumbrante na Li Chang Ru, a expressão dela instantaneamente ficou péssima.

Li Wei Yang já estava presente muito antes da Chang Ru e da Zhang Le. De longe, ela testemunhou a cena e sorriu. A posse mais valorizada dessa Da jie/ Li Zhang Le era a beleza dela, acreditando que ela é a pessoa mais linda do mundo. Como resultado, Zhang Le também acreditava que todas as coisas bonitas deveriam pertencer a ela. Por essa razão, quando Zhang Le viu o lindo vestido na Li Chang Ru – que era feito da seda que deveria ter sido dela – o rosto dela ficou verde. Ela não parecia nem um pouco a pessoa solidária e bondosa pelo qual era conhecida.

Li Wei Yang andou pelo pavilhão. O hobbie da Lao furen era manter pássaros como animais de estimação. O pássaro favorito dela era um papagaio vermelho mantido na entrada. Uma vez houveram ladrões na mansão do primeiro ministro e foi devido a esse papagaio falante que foi salva a vida da Lao furen, esse é o porquê esse papagaio era particularmente importante para a Lao furen.

O papagaio vivia dentro da gaiola feita de madeira de buxo. Quando ele viu a Li Wei Yang se aproximando disso, o papagaio inclinou a cabeça e fez um som barulhento.

Li Wei Yang sorriu para a serva, Lu Zhi, que estava responsável por tomar conta do papagaio. Wei Yang segurou uma tigela de comida e uma de água, colocou-as na gaiola e instruiu, "Er xiaojie é tão bonita! Er xiaojie é tão bonita!"

De longe, Lu Zhi deu uma olhada na Er xiaojie e acenou em concordância, "O vestido novo da Er xiaojie é de fato muito bonito!"

O papagaio bateu as asas. "Tão linda! Er xiaojie! Tão linda!"

Li Wei Yang sorriu e puxou as cortinas e entrou.

Li Zhang Le e Li Chang Ru – uma seguida da outra – chegaram. A serva que estava prestes a puxar as cortinas para as duas, quando de repente a Li Zhang Le escutou uma voz na cabeça dela.

"Er xiaojie é tão bonita! Er xiaojie é tão bonita!". A voz era estridente e infantil. Em um lugar quieto, a voz era ainda mais nítida. A voz do papagaio era como uma faca cortando a calma que a Li Zhang Le estava tentando arduamente manter.

O papagaio era meramente um bichinho de estimação. Ele não entendia as coisas, quando repetia a frase diversas vezes. Junto com o barulho das asas batendo, o gato da sorte nos braços da Li Zhang Le abruptamente miou e pulou em direção ao papagaio.

Lu Zhi gritou alto. Ela usou rapidamente um graveto de madeira para abaixar a gaiola do papagaio e proteger o pássaro nos braços dela. O gato da sorte pulou nas pernas da Lu Zhi, rosnou e grunhiu ameaçadoramente sem intenções de partir quando o gato encarou o papagaio.

O papagaio continuou a falar, "Er xiaojie é tão bonita!"

Lu Zhi foi rápida ao proteger o papagaio. "Se você continuar a ser irritante, o gato pode apenas cortar fora a sua língua!"

O papagaio era um pouco inteligente. Ao ouvir a ameaça da Lu Zhi, ficou assustado e não ousou falar mais, mas ficou tremendo nos braços da Lu Zhi.

Li Zhang Le suprimiu a raiva e segurou o gato da sorte dela. "Bom gato, pare de brincar." Assim que ela disse isso, o rosto ficou mais brilhante com um sorriso e andou para dentro como se nada tivesse acontecido.

The Princess Wei Yang ( The Concubine's Daughter is Poisonous )Onde as histórias ganham vida. Descobre agora