Ciúme

1.8K 168 67

-Erza!!!!!!-Grito seu nome dentro da loja,atraindo olhares assustados em minha direção.

Decidi ficar na cafeteria com a Erza.Fui com Loke até a loja.Loke ao ver o meu escândalo,sai de perto de mim,falando:

-Eu não conheço esse ser...-Começo a rir com o seu desespero.Ele logo ri junto.

-Bom dia!Ah!Lucy!E...-Erza nos cumprimenta mas é cortada pelo Loke.

-Loke.Prazer!-Ele estende a mão para a Erza, que o puxa e lhe dá um abraço.

-Prazer!Cadê o Natsu?-Ela olha diretamente para mim.

-Ah...Ele não pode vir.Então peguei o Loke e trouxe ele aqui comigo.-Explico.

-Então tabom...-Erza parece desconfiada.

Acabo sentando em uma mesa de 2 pessoas junto com Loke.Erza não podia sentar,ela estava em seu turno de trabalho.Logo depois da prova ela veio para a cafeteria trabalhar.Ela poderia ir mais tarde, mas como ela resolveu ajudar Jellal,teve que vir mais cedo para compensar.

-Poderia me trazer um café forte com 3 cubos de açúcar?-Loke pede para Erza.Ela entra no balcão e mais rápido que um super herói, ela volta com o café.

-Erza,ainda tem vaga aqui na cafeteria?-Pergunto.

-Sim,quer que eu chame o gerente?Ele já te conhece. Te indiquei para ele.-Fico ligeiramente agradecida.

-Obrigada.-

Ela entra por uma porta de fundos de madeira,muito bonitinha.Fico observando Loke enquanto ele toma seu café que pediu a Erza.Ele tomava cuidadosamente para não se queimar, e segurava a xícara suavemente como se ela pudesse quebrar ao seu toque.Ele é irresistivelmente elegante.Fico encarando ele até que o mesmo percebe que eu o observava.Ele levanta seu olhar em minha direção e eu desvio minha atenção para outra parte da loja. Nos sentamos em uma mesa que tinha uma janela ao lado.Tenho essa mania de sentar perto de janelas.Elas me deixam mais calma.Enquanto esperava,vi que dentro da cafeteria tem um garoto de cabelo rosa.Será que ele pintou?Oh.Parece Natsu.Sentada em sua frente,tem uma garota de cabelos brancos.Eita.Coincidências existem.Calma,Lucy.Não seja paranóica.Olho novamente em direção a eles torcendo para ser apenas a minha imaginação. Esfrego meus olhos e pisco algumas vezes.Olho para a mesa deles novamente e vejo eles novamente.Juntos.Não quero acreditar nisso.Eles estão se encarando.E acontece.O que eu mais temia entre eles,finalmente acontece.Eles se beijam.Devo ter feito uma cara de babaca pois Loke me pergunta o que aconteceu.

-Lucy?Você está branca!O que houve!-Continuo olhando os dois que ainda não se desgrudaram.Loke segue com os seus olhos na direção dos meus, tentando enxergar o mesmo.Quando ele vê,parece que fica surpreso.

-Loke,vamos embora.-Peço já me levantando.

-E a sua entrevista?!Lucy!Não faça isso!Finja que eles não estão alí!Não...-Ele é cortado pelo meu beijo.Sim,eu o beijo.E chamo a atenção.

-Atenção! Por favor!Eu quero a atenção de todos!-Peço enquanto subo na mesa e bato uma colher na xícara de Loke.Consigo atrair a atenção deles.Natsu fica surpreso.-Eu...É...Hoje...Estou namorando com ele!-Aponto para Loke que se encontra fora da Terra no momento.-E...Só queria dizer que amo muito ele.Apenas isso.Obrigada.-Saio da mesa e beijo Loke outra vez.Ouço vários aplausos.Olho novamente em direção ao Natsu e a Lissana.Eles estão perplexos.Natsu entra em choque e sai da cafeteria irritado.Lissana vai atrás.

O QUE EU FIZ!?!?!?EU SOU LOUCA!?!?Olho para a expressão de Loke,totalmente surpresa. Erza tinha deixado a bandeja com uma xícara de café cair toda no chão e estava congelada enquanto me observava. Saio correndo da loja,totalmente envergonhada e vou correndo para uma praça. Ela tinha um chafariz e alguns bancos em volta.Me sentei e fiquei olhando para a água.Eu estava em uma confusão interna.Meus olhos estavam arregalados e minhas mãos estavam tremendo.Como eu poderia encarar Natsu novamente?Eu estava com frio e meus olhos já queimavam.Vejo Loke correndo em minha direção. Quando ele chega perto da minha pessoa,ele para e bota as mãos nos joelhos,tomando um pouco de fôlego.

-Lucy!O que foi aquilo!?-Ele fala apontando em direção a cafeteria.-O que você quer??Causar ciúmes!? Isso?Que bobagem!-Ele se senta ao meu lado e me abraça.-Aquele cara não é para você.

Logo que ele termina de falar,lágrimas caem.Não consigo deletar a imagem de Natsu e Lissana juntos.Isso dói. Me deito no banco e apoio minha cabeça na coxa de Loke.Me encolho.Isso está totalmente errado.Eu fui infantil.Deveria ter apenas ignorado.

-Lucy, você vai querer continuar com aquela farsa?-Loke fala sem ter coragem para olhar em meus olhos.

-Tanto faz.Ele não quer fazer assim?Trocar as pessoas?Vou jogar o mesmo que ele.-

-Então eu sou apenas um boneco de um jogo?Eu não posso valer nada?Só estou substituindo ele?-Ele fala com dor em sua voz.

-Não é isso.Na verdade,deixe estar.Não devo nada a ninguém.Ele foi um escroto comigo.-Desabafo.

Depois disso,ficamos calados.Ouço meu celular tocar 3 vezes.Na quarta,Loke tira o meu celular do meu bolso e atende.

Loke: Alô?Não, ela não quer conversar.É.Isso mesmo.Estamos juntos.E? Tchau.

Ele não tinha botado no viva-voz.Justamente para que eu não ouvisse.

-Quem era?-Pergunto.

-Adivinha.-

-Natsu?-Ele assente com a cabeça.-Ele tem algum tipo de retardo mental?Não é possível.Ainda bem que atendeu.-

Eu não estou com vontade de fazer nada.Minha cara está inchada por causa do choro e meus olhos ardem.Estou com uma dor de cabeça terrível e minha maquiagem toda borrada.Fora meu cabelo desarrumado e minha roupa amassada.Mas,mesmo assim,Loke me leva a cafeteria novamente e me apresenta ao gerente.

Natsu on:

No momento,estou em casa com Lissana.Ele está fazendo um chá para que eu me acalme.É muita informação.Tudo começou hoje de manhã. Eu esperei Lucy no pátio e ela não vinha.Liguei para ela e a mesma não atendia.Como posso?Vi que Lissana precisava de uma carona e fui ajudar.Lucy só me ligou uma hora depois no momento em que Lissana estava sendo atendida.Não podia ficar no telefone.E ela não deve ter entendido e ficou com raiva.Mereço. Agora,fomos ao café e vejo isso.Mas que porra eu faço!? Ligo para ela,claro,eu sou um idiota.E quem atende?A pessoa que eu menos desejava ver no momento.E para piorar tudo,Lissana se declara e me rouba um beijo.E justo no lugar em que Lucy estava. Lucy realmente é a pessoa mais bipolar que conheço. Ela parecia estar totalmente na minha.E eu estou na dela...Meus olhos ardem.Eu quero ficar deitado.Apenas.Falo com Lissana que quero ficar sozinho.Ela entende e vai embora.Me jogo na cama e tiro minha roupa.Fico de cueca e meias.Ligo o rádio e vejo que passa uma música triste.Boto ela e fico na minha dor de cotovelo.Lissana deixou o chá no balcão da minha cozinha.Tomo o chá calmamente e decido chamar os manos e sair.Não posso ficar assim.Perdeu,Lucy. 

Meu rosado - Fairy TailLeia esta história GRATUITAMENTE!