Desculpa

2.2K 224 37

Natsu on:

Havia acabado de brigar com a Lucy,não acredito que dei um fora nela!Mas ela também é bem mimada! Foi apenas um fora,não era para ela ter reagido daquela forma.Tsc.Entrei em casa e comecei a brincar com Happy que não parava de miar.Peguei meu celular e fiquei observando uma foto que tirei da Lucy semana passada.Mostrei para Happy que começou a se esfregar em meu celular.Ah.Ele queria ver ela.Logo parou de miar e foi comer sua ração.Isso foi estranho.Levantei e joguei meu celular em minha cama.Fui em direção à cozinha.Aquela brincadeira com a pizza me fez ficar com fome.Olhei nos armários e não vi nada que me interessasse.Merda.Vou ter que ir ao mercado.Tomei um banho e botei uma calça jeans e uma blusa preta.Peguei meu All Star preto e fui em direção ao mercado.Comprei tudo que precisava durante um mês. Demorei 1 hora e 40 minutos.Ao chegar em casa,botei uma roupa qualquer e arrumei as compras.Bolas.Odeio fazer compras,principalmente a parte de ter que arrumar tudo logo depois.Fui lerdamente botando tudo em seu lugar e percebi que Happy estava me olhando.

-O que houve?Ah!Já sei!Quer peixe?-

Ele miou como resposta e assimilei como um sim.Tirei a espinha e cozinhei o peixe,com cuidado para não temperar,afinal era para ele.No final fiquei com mais fome ainda.Fiz um sanduíche e botei o peixe todo esmigalhado no prato do Happy.Ele comeu rapidamente e deitou no sofá,dormindo rapidinho.Comecei a comer meu sanduíche e abri um refrigerante junto.Liguei a TV e logo fiquei satisfeito,mas com muito sono.Acabei adormecendo com a TV ligada.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Logo que acordo vejo que na TV passava um filme de terror,e como tinha acabado de acordar,no primeiro susto que a personagem levou eu caí junto do sofá.O que foi aquilo?!?!Despertei rápido e desliguei a TV.Fiquei encarando um mesmo ponto da TV por alguns minutos sem desviar o olhar fazendo uma cara de tapado com os olhos arregalados sem pensar em nada.É sempre assim quando acordo.Euem.Logo que levanto vou ver as horas.Já eram 18:00 horas.Fiquei pensando no que iria fazer hoje,afinal era final de semana.Tem um parque perto daqui de casa.Vou chamar alguém para ir comigo.Eu queria que fosse a Lucy mas...Acho melhor ser outra pessoa.Chamei o Gray,a Juvia e a Levy. Se caso o Gray e a Juvia se pegassem,eu não iria ficar de vela.A Levy me faria companhia.Todos confirmaram e marcamos para às 19:30.Comecei a me arrumar e botei uma bermuda azul marinha, uma camiseta amarela ,bem clara,meus Vans azuis da cor da bermuda e um boné também azul virado para trás.Fiz um lanche e fui a caminho.Gray ligou avisando que Juvia torceu o pé e que não poderia ir.Como assim?Eles estavam juntos?Estranho.Olhei minha caixa de mensagem e vi que Levy também não iria vir.Estacionei o carro e entrei no parque.Era grande.Olhei meu relógio, já eram 19:40.Comprei uma pipoca e resolvi ir na Casa dos Espelhos,até que esbarro em alguém...

Lucy on:

-Natsu?O que faz aqui?-Ela me olha meio assustada.

-Ué?Parques foram feitos para diversão.-Nossa,que desculpa ruim.

Idiota.Olhei em volta do mesmo procurando outras pessoas com ele.Não havia ninguém.

-Sozinho?-Pergunto.

-Sozinho.-Ele responde.

-Ahn,bom,já vou indo,tenho que achar a minha mãe.-Vou saindo de fininho.

-Espere,posso te ajudar?-Ele segura a minha mão.

Congelei,mas aceitei mesmo assim,realmente precisava de ajuda.Fomos em todos os brinquedos,já eram 21:40.Passou rápido.Faltava as barraquinhas e a Roda Gigante.Fomos em direção à Roda Gigante e entramos na fila.

-Somos burros.-Comento.

-Como assim?-Ele me olha sem entender nada.

-Minha mãe pode estar em outro brinquedo que já fomos, nesse momento.Tudo que fizemos foi em vão.E só percebi agora.-Suspiro e abaixo a cabeça.

Ele começa a rir e dá alguns tapinhas em sua testa.

-Sabia que Rodas Gigantes são muito usadas em filmes românticos?-Ele comenta com um sorriso bobo.

-E?-Às vezes sou meio antipática.

Fico encarando ele esperando a resposta.

-É que...Sei lá. Só queria comentar.Como você é sem graça,Lucy!-Ele faz uma cara de raiva.

-Dane-se!-Tabom,sou grossa na maioria das vezes com ele.

Depois disso ele se calou e eu também. Só me restava ir na roda gigante.Logo chegou a nossa vez.Entramos na cabine para dois, sentando um de frente para o outro e esperamos o brinquedo ligar.Logo o mesmo começa.Quando chegamos a uma certa altura,a Roda para.

-Por que parou?-Pergunto meio assustada.

-E eu vou saber?-Ele responde.

-Precisa ser grosso?-Olho para ele meio estressada.

-Falando a senhora delicada.-Ele revira os olhos.

Irritante.Estávamos na parte mais alta,não tinhamos como descer. Respirei profundamente tentando manter a calma.Gritei várias vezes na tentativa de que alguém ouvisse.Um casal um pouco mais abaixo disse que a Roda Gigante parou de funcionar e que os técnicos já estavam agindo.Ótimo.

-Natsu,por que ficou triste por eu não ter te beijado naquela noite?-Falo o mais rápido que posso.

-Não sei.Aquilo me afetou.Não entendo também.-Ele evita me olhar.

Ele estava meio envergonhado.E eu também.

-Me disseram que você ficou bastante nervoso. Ía ser a sua primeira vez no beijo?-

-Não.Eu já namorei e beijei outras garotas.Na verdade só fiquei assim com você. Estava com medo de algo.-

-Hum...-Ai que burra.Claro que ele não era BV,afinal,ele namorou a Lissana!Se bobear nem é mais virgem...

-Lucy, desculpa por te tratar mal.Podemos ficar de bem?-Ele me olha meio transtornado.

-Ok,desculpa também...-Falo meio tristonha.

Ficamos calados por um bom tempo,até que finalmente a Roda Gigante começa a funcionar. Não conversamos mais.Natsu diz que tinha de ir embora.Nos despedimos.Quando ele estava indo olhei para atrás. Ele também olhou logo depois e nossos olhares acabaram se encontrando.Viro rapidamente envergonhada,e ele faz o mesmo.Mereço. Continuo a procura de minha mãe, e finalmente a encontro.

-Lucy,pode me agradecer.-Ela me olha vitoriosa.

-Pelo o que?-

Minha mãe começou a dar risadinhas irritantes.Ela armou tudo isso!!!Tenho medo dela,sei lá o que ela pode fazer a mais... E fomos para casa,finalmente.

Meu rosado - Fairy TailLeia esta história GRATUITAMENTE!