17° Capítulo - Criminal

14.9K 1.1K 846
                                    

AVISO: A partir de agora os tipos de roupas da personagem estarão na mídia pra vocês verem os gostos dela e tals, ok?

Não esqueçam de deixar o voto, me faz perceber que vocês estão gostando e eu continuo escrevendo.

Ps: Amo os comentários de vocês!
_________________________________________

Ele é um trapaceiro, ele não é bom de jeito nenhum
É um perdedor, ele é um vagabundo
Ele mente, ele blefa, ele não é confiável
Ele é um otário com uma arma arma-arma-arma-arma

Eu sei que você me disse que eu deveria ficar longe
Eu sei que você me falou que ele é um cão vira-lata
Ele é um cara mau com um coração podre
E até eu sei que isso não é sensato

Mas, mamãe, eu estou apaixonada por um criminoso
E esse tipo de amor não é racional, é físico
Mamãe, por favor não chore, eu ficarei bem
Pondo a razão de lado, não posso negar, eu amo aquele cara

Criminal - Britney Spears
_________________________________________

Nesta manhã Yan acordou e passou mão pela cama, percebendo que sua garota não estava lá.

—Bom dia! - Halya diz sorridente quando entrou no quarto e foi até o homem na cama lhe dando um selinho.

—Bom dia, docinho... Onde estava? - ele perguntou ao se sentar na beira da cama e ver Halya arrumada.

—Fui na farmácia com o Andy.- ele a puxou para se sentar no seu colo.

—Pra que? Está com dor? - perguntou preocupado.

—Não, fui comprar anticoncecional já que não usamos camisinha ontem.

Megalos foi esperto, mas deixou escapar que a garota também era.

—Por que você fez isso? Eu quero ter filhos! - ele franze as sobrancelhas e Halya levanta de seu colo.

—Pois faça um milagre e coloque um útero porquê eu não quero ter filhos agora. - ela cruza os braços e encara o rapaz.

—Halya Smith... - ele respira fundo para manter a calma e se levanta ficando frente a frente a garota que ergue a cabeça. - Nós - vamos - ter - um - filho, entendeu?!

—Yan, tenho 21, não vou ter filhos agora. - diz ainda calma.

—Claro que vai! - diz exaltado e Halya uni as sobrancelhas.

—Foi por isso que não usou camisinha ontem? - ele fica quieto. - Há! - bufa. - Olha só, Yan Megalos... - ela aponta o dedo para o rapaz. - Se você está planejando fazer um filho EM MIM sem O MEU consentimento pra ter logo um herdeiro e eu ficar grávida não concordando com isso, vou ter o PRAZER de acidentalmente tropeçar e cair pela aquela longa escada, nem que seja 7 vezes.

—Você não ousaria! - ele segura seu pulso e a encara.

—Me testa, então. - olhou diretamente em seus olhos. - Sabe que adoro quando me desafiam.- ela puxa seu braço e sai do quarto batendo a porta com força logo dando de cara com Andy.

—Quer levar a porta pra passear, minha filha? - fala Andy.

—Seu irmão é um idiota! - ditou brava.

My ObsessionOnde as histórias ganham vida. Descobre agora