Harry parecia muito alterado.

- Calma, eu vou explicar... Ele só veio..

- Vê-la, eu só vim ver a minha amiga. Por acaso agora estou proibido? Pelo que eu saiba, você não é nada dela nem um...

- Namorado? Ah meu amigo, acho que você anda olhando demais pra minha namorada a ponto de não notar isso aqui - ele levantou minha mão onde estava o anel que ele me dera na noite anterior.

Matt ficou branco. Só então notou o anel no meu dedo.

- E você, Lauren, porque não disse a ele que agora você tem um namorado?

- Não achei necessário, estávamos apenas matando as saudades... Somos amigos, ou esqueceu? - revirei meus olhos para ele. Aquilo já estava ficando patético demais pro meu gosto.

- Bem, acho que já vou indo, Lalá... Outro dia eu venho e a gente conversa. - ele sacou um cartão de seu bolso e me entregou - Aqui meu número e meu endereço caso queira me visitar.

Ele foi andando até a porta, dando um breve aceno.

- Até mais,Lauren. E tchau, Sr Styles.

Ele falou, e logo foi embora.

Esperei um pouco para enfim falar:

- O Que foi isso?

- Isso o quê?

- Essa cena de ciumes toda. Saiba que eu não gostei nenhum pouco.

Ele bagunçou o cabelo. Aquilo seria sexy, se eu não estivesse chateada com sua atitude possessiva e infantil.

- olha, pequena, me desculpa... Eu não consegui me controlar, ver aquele cara aqui, me lembrou quando ele tentou te agarrar naquela noite lá no café..

- Ah.. Assim como não conseguiu se controlar quando alguém te ligou e saiu correndo daqui, não é mesmo? - perguntei, com um tom de ironia e mágoa em minha voz.

Ele passou a mão pelos cabelos novamente, um claro sinal de que não sabia o que fazer.

- Olha, eu tive um pequeno incidente na minha equipe, por isso saí correndo daquele jeito.. A ligação era de Yuri, e quando ele liga é porque tem algo que não está certo, por isso saí daquele jeito.

Tudo bem, ele explicou a situação. Mas custava falar antes de sair? Não, não custava.

- Não custava você ter me falado, custava? Fiquei imaginando um milhão de coisas acontecendo...

- É, eu sei - ele se aproximou - Me desculpa mesmo, anjo.

Anjo?

- Tudo bem. Está desculpado. Mas eu também estou chateada com o modo com que você agiu com o Matt. Ele já entendeu que eu não quero nada alem de amizade com ele, Harry. Não precisava marcar território.

Ele me abraçou, e ao sentir seu cheiro, me senti mais calma.

- Eu sei, pequena. Me desculpe mais uma vez.. Em menos de 24 horas dr namoro e eu dou duas mancadas com você.. Me desculpa mesmo. - ele beijou minha testa.

Fazer o quê, né? Aqueles olhos verdes eram irresistíveis demais pra mim! Sou humana, gente.
E então o puxei pela nuca e o beijei. Mais perdoado que aquilo, também né?

Ele segurou minha cintura com firmeza do jeito que eu tanto amava e suspirava.

E nos beijamos por tanto tempo, que acho que nossos lábios ficaram inchados.

Ele, surpreendentemente ficou comigo o resto do dia, e eu esqueci celular, esqueci Gih, Matt e tudo ao meu redor só pra ficar grudadinha ao meu namorado enquanto assistíamos os vingadores - a era de Ultron.

50 Tons de Harry Styles Leia esta história GRATUITAMENTE!