L1|| XXXVII. É De Minha Natureza

1.5K 244 186

Assim que retiram o corpo insconsciente de Alexis da arena, Garou se levanta e anuncia a vencedora

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

Assim que retiram o corpo insconsciente de Alexis da arena, Garou se levanta e anuncia a vencedora. Ela não é uma Valkíria, é do mundo de Lorde Vór, aparentemente da guarda pessoal dele. 

Durante a escandalosa sessão de poucos aplausos e muitas vaias pela derrota de Alexis que tinha óbviamente se tornado a favorita da platéia, aproveito para sair pela lateral e ir até ela. 

No caminho quase não consigo conter meu choro.

Ver aquela lança a atravessando partiu meu coração em mais pedaços do que pude contar. E não posso nem expressar o que sinto já que não quero que ninguém saiba de minha conexão com a amazona derrotada e sendo carregada para fora da arena.

Mesmo com a vista embaçada por lágrimas que insistiam em surgir, chego até o subsolo da arena. Algumas das Valkírias derrotadas se encontram aqui, sendo colocadas em cubículos separados, dependendo da gravidade se seus ferimentos. Algumas voltam a si sozinhas, outras precisarão de magia ou poções para se curar. 

E como já prestei serviços similares a Garou, decido que este seria um bom álibi para usar e estar ali, esperando por Alexis e ajudá-la eu mesma. Enquanto procuro por entre as paredes de pedras grossas e escuras onde levaram e deixaram Alexis, posso ouvir algumas das Valkírias comentarem sobre ela, perguntando quem ela é e como luta tão bem. 

É uma habilidade nossa de fada nos restituir de alguns machucados. O tempo e o tipo variam dependendo da espécie. Eu por exemplo, não posso me recuperar de muito, um corte um pouco mais profundo sendo meu limite, mas imagino que as Valkírias tenham uma anatomia mais resistente, caso contrário o torneio não existiria, pois dificilmente creio que Garou sacrificaria a guarda regencial dessa forma tão bossal, sendo que Adaris está mais fraca que nunca e precisa de proteção. 

Mas como eu não sei exatamente a extensão das habilidades de Alexandrai nessa área, quis me certificar que acordaria rapidamente, caso contrário, usaria magia negra para fazê-lo.

Quando a encontrei não se movia e por isso chorei tão descontroladamente sobre seu corpo ao vê-la insconciente. Igor, agora ela... eu não consigo segurar! Meu peito arde de dor!  Mesmo imaginando que ela acordará eventualmente, só a sombra da idéia de não tê-la mais em minha vida num futuro próximo por causa da jornada perigosa em que a coloquei, me faz cair de joelhos e me prostrar no mais amargo pranto sobre as costas dela.

 eu não consigo segurar! Meu peito arde de dor!  Mesmo imaginando que ela acordará eventualmente, só a sombra da idéia de não tê-la mais em minha vida num futuro próximo por causa da jornada perigosa em que a coloquei, me faz cair de joelhos e me ...

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.
ADARISOnde as histórias ganham vida. Descobre agora