L1|| L. Quem é Você?

1.4K 210 164

Maravilhada, assisto um cristalino círculo formar-se ao redor de Alexis, ganhando mais e mais força e tamanho

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

Maravilhada, assisto um cristalino círculo formar-se ao redor de Alexis, ganhando mais e mais força e tamanho. Sua velocidade também aumenta, girando com mais intensidade e precisão, um tornado incrivelmente brilhante que começa a tocar o chão e se expandir até o teto.

Mexe com todo o ar a nossa volta, o tornando bruto e perigoso, forte o suficiente para mover muito do que aqui se encontra.

Alexis não pode se mover, está fisicamente incapacitada pelas Valkirias. Mas por causa do tornado furta-cor que ela cria em volta de si, essas também já sentem dificuldades em manter-se na posição em que estão.

Seria esse um dos poderes de Alexis como fada? Pensando bem, nunca a vi usando seus poderes (fora a força) em nenhum momento. Novamente, sinto a imbecilidade que foi não pesquisar e aprender mais sobre esses seres que conheci. Se o tivesse feito, entenderia muito mais sobre fadas, sobre Adaris e sobre possíveis perigos que corro. De qualquer forma, aprender que Alexis pode iniciar um furacão por vontade própria, além de muito foda, é algo que eu posso contar a nosso favor, aumentando minhas chances de sair daqui.

Novamente me escondo atrás do trono, me segurando a ele para não sair voando também.

Em pouco tempo, uma por uma das Valkírias acaba soltando Alexis. Duas voam longe junto com os outros objetos. Algumas espadas também voam para longe de suas donas, deixando ainda mais perigoso ficar de pé por aqui.

O furacão tem no centro de seu olho Alexis, que apenas o controla com calma e concentração, enquanto o resto do salão tenta se manter intacto em vão. A forte brisa bate tão vigorosamente que me faz perguntar até quando eu poderei me mater onde estou sem sofrer danos. 

Coisas batem nas paredes e quebram. Manter meus olhos abertos também já está ficando difícil. Ainda escondida, a curiosidade toma conta de mim e acabo roubando um breve vislumbre de Garou, mesmo sabendo o que olhar para ele pode fazer comigo. 

Ele apenas a assiste, sorriso velado. Suas vestes ou seus cabelos longos não se movem com a mesma intensidade do resto da sala. Parece protegido por algo que eu não posso ver. Sem muita emoção, assiste suas valkírias incapazes de controlar Alexis agora. 

Quando Alexis finalmente se mexe, volto meu olhar para ela. A poeira circular e cristalina finalmente baixa e eu já posso desfazer um pouco da força com a qual me agarro ao trono de Garou.

Mas algo em Alexis muda. Seus olhos agora são completamente brancos, eu já não vejo mais sua íris. Suas asas também parecem maiores e com cores mais vivas que outrora. 

Como uma máquina ela começa a lutar novamente. Acerta uma valkíria a sua esquerda no rosto, quase descolando a cabeça dela do resto do corpo. Com um chute certeiro em seguida, acerta a que esta no exato lado oposto. Apesar de ser atingida, essa avança novamente e Alexis pega a cabeça dela com as duas mãos e afunda o crânio contra seu joelho, chutando o corpo desta com bicudas duplas que a lançam para meu lado do salão. 

ADARISOnde as histórias ganham vida. Descobre agora