44

6.6K 688 161
                                    

JENNY MILLER

Ops! Esta imagem não segue nossas diretrizes de conteúdo. Para continuar a publicação, tente removê-la ou carregar outra.

JENNY MILLER

- O que?! - exclama Isaac, e rapidamente cubro sua boca.

- Não grite! Meu pai ainda não sabe! - exclamo, percebendo Ava se aproximando.

- Isso foi hilário! Perséfone Scott está apaixonada por você!... Bem, isso não é exatamente uma novidade, né?

Caio de costas na minha cama com um sorriso bobo, estávamos no meu quarto. Assim que cheguei eu liguei para eles para contar como foi e tudo que aconteceu.

- Espera... você disse que fez uma tatuagem, então cadê ela? - Issac questiona e sinto meu rosto queimar.

- Olha pra ela, com certeza fez em algum lugar que só a amada dela possa ver - Ava disse e lhe olho séria quando vejo Issac com as mãos na boca feito uma criança que acabou de descobrir o melhor segredo da sua vida.

- Sua safada! - ela gritou e Ava lhe deu um tapa na nuca.

- Para de gritar, garoto! - fala e revira os olhos quando ele lhe dá língua.

- Enfim, vamos mudar de assunto e falar sobre o baile de amanhã! - Ava exclama, animada, enquanto eu sorrio de lado.

- Droga, eu nem tenho fantasia nem vestido! - levo a mão à testa e fecho os olhos. Deveria ter comprado na Rússia.

- Ah, garota! Para que você acha que tem dois amigos incríveis? - Isaac diz, e eu o olho confusa, vendo-o pegar uma sacola de dentro de sua bolsa.

- Compramos uma fantasia para você! - exclama ela animada, e eu sorrio.

- Como? Vocês sabem o meu tamanho? - questiono enquanto pego a sacola. Issac me olha de cima a baixo.

- Seu tamanho é igualzinho ao de um adolescente de dezesseis anos - responde ele com um olhar de desdém.

1,67 não é tão pequeno.

- É sim, Jenny, 1,67 é pequeno - Ava comenta como se lesse meus pensamentos, e eu faço bico.

Abro a sacola e me deparo com um vestido branco... e um par de asas do mesmo tom.

- Um anjo? Compraram uma fantasia de anjo? - questiono, enquanto os dois me encaravam como se eu devesse saber a resposta.

- Por que um anjo? - indago, confusa. Estou certa de que há um motivo por trás disso.

- Ah, Jenny, não finja que não sabe - dizem eles com um sorriso travesso.

- Compramos essa fantasia para você relembrar os velhos tempos, quando você não conhecia a Perséfone e parecia uma verdadeira anjinha, antes de se transformar nessa diabinha com uma mente pervertida - explicam, provocando-me.

𝐌𝐘 𝐋𝐈𝐓𝐓𝐋𝐄 𝐆𝐈𝐑𝐋Onde histórias criam vida. Descubra agora