Capítulo 26

5.2K 759 357
                                    

Maratona 3/4

- A toalha de baixo - Wheezie disse enquanto eu sobre uma cadeira procurava pela tal toalha de piquenique.

Toalha de mesa é toalha de piquenique que você a abrir sobre o chão.

- Vai ser essa aqui - Falei jogando uma pra trás e enquanto descia pude ver a garota pegar ela no ar.

- Mas essa não é a de piquenique.

- Sabe o que também não é piquenique? A sobremesa do almoço que estamos levando naquela cesta, então essa toalha está ótima.

- Realmente, muito pessimista - Ela disse pegando a cesta de piquenique e a toalha enquanto saia da cozinha - Vou procurar um lugar enquanto você melhora esse humor com álcool.

- Eu não vou beber nada alcoólico - Deixei claro - Vou só tomar um café pra poder comer o maior pedaço de torta.

- Vou fingir que acredito pra ajudar você a manter o seu emprego - A garota gritou em resposta já de longe.

Minha tia já havia saído quando descemos então precisamos improvisar, ela vem e prepara o café da manhã, vai pra casa e volta só pra próxima refeição.

Na minha opinião ela gasta muito tempo indo e vindo, talvez por isso eu precise trazer uma troca de roupas pra cá para não precisar usar as roupas do Rafe quando ficar.

Coloquei meia xícara de café completando o restante com vodka e me encostei próxima a janela vendo Wheezie andar pelo "jardim".

- Eu não sei se preciso dizer, mas você fica uma delícia quando usa as minhas camisas - Virei um pouco o rosto podendo ver Rafe.

Ele fica mais atraente de boné pra trás ou sou eu que acho que ele fica sempre atraente?

- Posso te garantir que eu sou uma delícia com qualquer roupa e sem elas - Tomei um gole do café.

- Não posso opinar se ainda não vi - Dei um sorriso negando com humor enquanto via o garoto abri a geladeira procurando alguma coisa.

- Acabou o suco?

- Está lá fora, pro piquenique que Wheezie e eu vamos fazer.

- Legal, não tomei café da manhã ainda.

- Você não foi convidado.

- Digamos que pessoas como eu não precisam de convite.

- Você fala sobre ser um gostoso ou um babaca?

Ele levantou os ombros.

- Como você descreveria?

- Um babaca muito gostoso.

- Eu também sou bem gostoso sem roupas.

- Preciso ver pra poder dizer se isso é verdade ou achismo.

Não sei dizer se sou tarada ou se estou flertando de brincadeira por saber que o interesse é mútuo.

Porque eu tenho interesse, só não vou admitir ou agir sobre.

Só manter o interesse platônico a distância preservando o meu emprego.

Dizer a Ward Cameron que estou a procura de um homem rico e me relacionar com o filho dele seria o "fim da linha" pra mim.

- Quando quiser - Ele disse despreocupado.

- Tá legal - Respondi na boa saindo da cozinha para encontrar a mais nova dos Cameron - Pode tomar café da manhã com a gente se quiser.

- Está me convidando pra se sentir melhor já que eu vou de qualquer forma?

- Sou uma pessoa muito inclusiva.

Baby Sister - Rafe CameronOnde as histórias ganham vida. Descobre agora