Luzes de Neon

55K 2.5K 7.6K
                                    

(Camila)

— Você está terminando comigo?

Olhei em volta procurando por bisbilhoteiros que pudessem estar ouvindo nossa conversa, mas os poucos alunos em frente à escola estavam mais preocupados com seus celulares e conversas sem sentido. Respirei fundo e olhei outra vez para Dominic, que agora me encarava em espanto esperando por uma resposta ou alguma reação ao seu quase berro. É claro que eu não precisava de uma cena em frente a todos os idiotas que, em poucos segundos, fariam um grande telefone sem fio pela escola falando sobre como minha separação com o cara legal da faculdade fora trágica. Não. Eu precisava me manter séria e ainda controlar Dominic e sua repentina surpresa quando eu simplesmente lhe disse que não estava mais satisfeita com nosso namoro.

Agora, encostado em seu carro e com os olhos arregalados, ele esperava que eu dissesse que tudo não passava de uma brincadeira, e que à tarde o estaria esperando para que assim, pudéssemos passar o resto da tarde com sua mãe falando sobre as viagens em família e comendo lasanha.

– Exatamente. – falei, apertando com mais força a alça da minha bolsa de torcida. Não mentiria dizendo que estava feliz com aquela separação, mas nossa relação havia esfriado e meus sentimentos para com ele não passavam de amizade. — Você passa mais tempo com os caras da faculdade, e eu entendo que esteja curtindo sua fase de universitário, mas nossa relação caiu na rotina e eu não preciso disso agora.

Dominic me olhava com espanto e certa tristeza, eu sabia que ele gostava de mim como eu nunca seria capaz de retribuir; não se pode esperar amor de um coração em pedaços. E o meu estava em pedaços, trancado e inacessível.

– Olha o que está dizendo, Camila...nós passamos por tantas coisas juntos, você não pode simplesmente desistir de tudo. – ele estava tentando me fazer mudar de ideia, eu sabia disso. Mas no fundo ele sabia que eu não mudaria.

Mantive meu olhar impassível, como o uniforme que eu vestia me obrigava a ser.

— Você é um cara legal, Dom — fui sincera, com a voz baixa e segurando suas mãos. — Mas somos partes de quebra cabeças diferentes. Você quer um relacionamento sólido e rotineiro; eu não.

No fundo havia um outro grande motivo que se tornara a gota d'Água para o término daquele relacionamento fadado ao fracasso, e ela tinha um nome e endereço. E belos olhos. Ela acabara de entrar no estacionamento com sua caminhonete velha, procurando vaga entre os carros populares. Eu a observei sair da caminhonete e passar a alça da bolsa de lado pelo pescoço, enquanto seus olhos nunca abandonavam o chão. Foi como câmera lenta que a vi atravessar o estacionamento, e como um imã a atraindo para mim, seus olhos ergueram diretamente para os meus, me encarando com a intensidade que só aquelas esmeraldas proporcionavam. Dominic continuava a falar, eu acho, não tenho certeza; mas ela também continuava caminhando com minha atenção presa a ela, porque no fundo, ambas sabíamos que eu estava tendo aquela conversa pelo nosso trato. Seu olhar era questionador e surpreso, talvez ela não acreditasse que eu realmente cumprisse com a minha palavra da noite passada, mas eu também esperava que ela cumprisse com a dela e afastasse Amber Heard para então, sermos apenas uma da outra.

Ok, foi estranho. Não uma da outra como um relacionamento, eu gosto apenas de exclusividade. Se vou transar com Lauren, será apenas com ela, o meu pecado mais delicioso; o meu pequeno segredinho.

— Você está me escutando? — a voz possessa de Dominic me tirou do mundo de Lauren e chamou minha atenção outra vez para ele. — Eu estou falando sobre nos acertamos e você nem mesmo esta prestando atenção, Camila!

Soltei suas mãos e massageei minha têmpora, me certificando de não perder a paciência com ele. Eu estava dando o meu melhor para ser paciente e cuidadosa com as palavras, mas Dominic estava começando a me tirar do sério.

UncoverOnde histórias criam vida. Descubra agora