10° capítulo

320 47 10
                                    

Poker

Louis usava uma jaqueta verde musgo, uma calça com rasgos nos joelhos, nas coxas e um abaixo de sua nádega, por baixo dela ele usava uma meia arrastão quadriculada. Ele usava uma gargantilha e pulseiras pretas que ficavam justas em seu pulso, sem contar a corrente presa na lateral da sua calça.

"Ele está realmente um gostoso" - Harry pensou e no mesmo instante jurou se odiar pelo resto da vida por ter pensado aquilo.

Eram quase dez horas da noite. Havia pouco tempo que eles tinham chegado da apresentação de mágica que sem dúvidas foi uma das favoritas de Harry. Eles não fizeram grandes coisas dessa vez, apenas números para interagirem e entreterem o público.

Assim que chegaram, cada um foi para o seu devido quarto se arrumar para a tal festa. Niall não poderia ir pois seria arriscado alguém ver ele com os meninos, então eles teriam que tomar cuidado com cada pessoa que estivesse na festa e garantirem de que não iriam acabar fazendo alguma bobagem.

- Você vai se levantar daí ou vai continuar sentado me encarando, docinho? Sei que sou irresistível, mas já estou ficando com medo desse seu olhar.

- Idiota - Harry tossiu e se pôs de pé ajeitando os óculos em seu rosto e andou até a sua janela e se encostou de costas para o vidro. - Você demora demais pra se arrumar - Ele disse cruzando os braços. - Já estava ficando com sono -Falou dando um enorme sorriso na intenção de irritar Louis.

Mas logo seu sorriso sumiu do rosto ao ver Louis estreitar os olhos e começar a andar em sua direção o fitando de cima a baixo, avaliando cada parte de sua roupa.

Harry usava uma blusa social preta, os primeiros botões estavam abertos, possibilitando a vista de seu peitoral e de seu colocar de cruz na cor prata. A calça que cobria a barra da camisa era na cor branca, e seus sapatos eram sociais na cor preta.

- Hm mas eu tenho certeza de que essa demora valeu a pena - O menor parou na frente de Harry e o fitou de cima a baixo novamente. - Não valeu docinho? - Louis deu mais um passo a frente fazendo com que seu corpo e o corpo de Harry ficassem quase colados.

Harry arfou nervoso ao ter seu corpo prensado entre a janela e o corpo do menor.

- É... t-talvez... não tenho certeza, t-talvez sim - Gaguejou ajeitando seus óculos novamente no rosto.

- Talvez? - Louis riu. - Eu não fiquei bonito nessa roupa babybear? - Louis falou fazendo um biquinho e enrolando o colar de Harry entre os dedos.

- Você ficou Louis - Engoliu seco. - Você ficou bonito - O cacheado arfou frustrado por ter caído nas provocações de Louis e ter deixado escapar de sua boca que o menor realmente tinha ficado bonito com aquela roupa.

Louis elevou o olhar para o rosto frustrado de Harry e deu um sorriso maior ainda e bem mais convencido.

- Tá vendo só? Você tenta manter essa pose de bravinho dizendo que não me suporta e que eu sou um idiota, mas basta eu te prender contra a janela que você muda rapidinho.

- Eu dizer que você está bonito não significa que eu não ache você um idiota insuportável, idiota - Harry suspirou irritado virando seu rosto para o lado.

- Se eu sou tão insuportável assim por que você ainda não me afastou de perto de você - Louis mantinha seus olhos presos aos de Harry, que olhava meio sem jeito para outro lugar do quarto enquanto respirava fundo. Louis resolveu provocar o cacheado ainda mais, então separou as pernas de Harry com o joelho e posicionou sua coxa entre elas. - Em docinho?

- Louis... - Harry o repreendeu assim que o menor começou a movimentar sua coxa entre suas pernas.

- Você não me respondeu - Ele falou sorridente pressionando ainda mais sua coxa contra Harry, que em um susto, levou suas mãos até a cintura do menor. - Fazia tempo que eu não o via com seus óculos, professor - Ele falou risonho ainda provocando Harry.

Now You See MeOnde histórias criam vida. Descubra agora