⚠ Bônus II ⚠

8.1K 1.1K 1.4K

“E o que eu achava que seria apenas um amor de infância e logo iria passar, parece que nunca mais terá um fim.”Autor Desconhecido

Daesung: 20 anos | | JungHyun: 17 anos

JungHyun P.O.V's

     Acordei me sentindo leve, ainda meio atordoado não me lembro muito da noite passada, apenas da festa de aniversário de Daesung, meus pais foram para casa mais cedo levando JiHyun, meu irmão mais novo, Sooyoung nem mesmo está no país, viajou com algumas amigas e nossa tia SunHee, então tio Yoongi pediu que eu ficasse em seu apartamento para ajuda-lo a limpar tudo. Nem ao menos sei como vim parar no quarto, e não é por conta do álcool, e sim do cansaço. Algo me diz que aconteceu coisas além de dormir, meu corpo está estranho, algumas dores sem explicação, e não é período de heat, sei bem como são os sintomas, e bom, com a ajuda de meu appa Minnie, com o avanço da ciência, supressores de cio já não fazem tanto mal a um ômega, por isso faço uso deles desde meus quinze anos.

     -Droga! Droga, hyung! -Me assustei ao ver quem estava deitado ao meu lado, ou melhor, me abraçando como um urso. -Dae! Acorda, por favor!

     -Vai dormir, Jun! -Ouvi sua voz rouca, e me deitei com lágrimas nos olhos, sabendo que estou mais que literalmente fodido.

     -Appa vai me matar. -Minha voz saiu falha, denunciando o choro preso em minha garganta, e aquilo pareceu chamar a atenção do mais velho.

     -Por que você está chorando, JungHyun? -Ele perguntou, só então se deu conta de nossa situação.

     Ambos nus, deitados em sua cama, cobertos apenas pelos lençóis.

     -Jungkook appa vai me matar e a culpa é sua, Daesung! -Comecei a literalmente chorar na frente do mais velho, não é como se ele não estivesse acostumado. -Me solta! -Tentei sair de seus braços, mas hyung é mais forte, me jogou contra o colchão, me prendendo embaixo de seu corpo.

     -Me escuta, bebê! -Meus olhos foram em direção aos dele, enquanto seus polegares secavam minhas lágrimas. -Nós fizemos o que todo casal de namorados fazem.

      -Acontece que nosso namoro ainda é segredo, Daesung! -Esse é meu problema, achar que tudo o que faço de ruim irá decepcionar meus pais.

      -É segredo porque você quis assim. -Ele rebateu, e bom esse é a verdade. -Quer acabar com toda essa mentira hoje?

      -Não, hyung! Não me abandona, por favor! -Falei mais referente ao meu pai alfa.

      -Bebê, quem está falando em abandonar aqui? -Daesung gargalhou, inclinando o corpo para me beijar. -Vou te levar em casa. Vou conversar com o tio Kook. O máximo que vou receber é um belo não e uma boa surra por tirar a pureza de seu principezinho.

     -E se não der certo? -Ele sorriu, me puxando para sentar em seu colo.

     -Eu te sequestro e fugimos para o Alaska, o que acha? -Senti seu nariz arrastar levemente por meu pescoço. -Eu te amo, meu anjinho!

     Decidi confiar mais uma vez no mais velho, afinal toda essa confiança vem desde que me entendo por gente. Por algum motivo sobrenatural, algo pelo qual não consigo explicar, me sinto ligado a Daesung desde sempre, e bom, o alfa nunca poupou esforços em me proteger ou me fazer o bem. Perdi as contas de quantas vezes discuti com Kookie appa por conta de meu namorado, sempre recebendo a proteção de meu pai ômega, mas desta vez nem mesmo ele sabe de meu namoro com meu primo, decidimos assim para evitar discussão entre meus pais, coisa que raramente acontece, e mais maioria das vezes a culpa é de Sooyoung e sua forma rebelde de levar a vida.

Sweet Poison ⚠ Jikook ABO ⚠Leia esta história GRATUITAMENTE!