Meus Olhos 2 - Capítulo 8

5 1 2

— A missão de hoje é simples — disse o JP enquanto dirigia até o aeroporto. — A Eliza vai precisar ficar de olho nas malas até encontrar o que estamos procurando.

— E o que seria? — Bianca perguntou antes de todos.

— É uma resma de papel. — Foi tudo o que o policial disse. Mas, então, ele percebeu que todos no carro ficaram confusos. — Esse papel está embutido com mágica. Qualquer material legível feito dele deixará o leitor bravo e facilmente manipulável.

Isso é sério? Honestamente, não sei se é um plano bom ou idiota, pensou Eliza.

— Por que alguém o traria pra cá?

— Acreditamos que querem usá-lo durante a Copa do mundo do ano que vem. Ninguém imaginou que os protestos chegariam a tal escala. Supomos que alguém está tentando preparar o terreno para o ano que vem.

Bianca ficou quieta enquanto pensava naquilo.

Calma, Vermelha, pensou Eliza, contendo um sorriso. O JP te deixou vir, não precisa ficar ansiosa pra ajudar com tudo.

Não fique assim. Ela está animada em poder participar, a voz de Teo ecoou na cabeça dela.

Ei, você não conhece uma tal de privacidade, sabia?

F-Foi mal! Às vezes não tenho como evitar mesmo!

Eu não devia ter sentado no meio... mesmo com o anel, ele está perto demais pra poder me ouvir. Mas é melhor do que ouvir a Bianca o tempo todo, pensou ela, suspirando. E participar disso faz ela feliz?

S-Sim. Não só isso, a Bianca tá feliz porque assim faz parte de mais um pedaço do seu mundo.

Hum? Meu mundo? Como assim?

Embora ela só esteja aqui pra observar, ela faz parte do mundo em que pessoas tem poderes sobrenaturais e os usam pra lutar contra caras maus.

Eliza considerou por um instante. Ela realmente liga tanto pra isso? Nunca imaginei... Tipo, ela tava interessada nos meus poderes no começo, mas pensei que era uma desculpa pra se aproximar de mim...

Não posso falar nada quanto a isso. Mas, pra 99% do mundo, o que vamos fazer agora é algo legal e que só acontece em filme. Para uma nerd de carteirinha, isso é praticamente um sonho virando realidade.

Acho que nunca pensei nisso... Meus poderes se tornaram algo natural... pra nós duas...

Sim, sei como é. Mas a Bianca não consegue parar de pensar em heróis dos quadrinhos ou garotas mágicas. Sua namorada é uma nerd total.

Eliza não conteve um riso. Acredite, sei melhor do que qualquer um. Minha ruiva nerd.

Você deveria fazer isso pro aniversário dela.

Eliza semicerrou os olhos. Calma aí, quê?

O rosto de Teo ficou vermelho e ele desviou o olhar.

D-Desculpa por falar isso. Não foi minha culpa. Acabei ouvindo seus pensamentos... M-Mas se ainda estiver pensando no que dar a ela de presente de aniversário, eu sugiro um cosplay.

Quê? Você ouviu isso?

Desculpa! Eu nunca quis ouvir. Nem ia mencionar até você falar essas coisas da sua namorada. Desculpa mesmo!

Eliza respirou fundo e depois suspirou. Tudo bem... Acho... Digo, não fique falando na cabeça da Bianca. É intrusivo demais... Eu consigo lidar porque sei como é complicado ter um poder que você não pode controlar...

Meus Olhos EnxergamLeia esta história GRATUITAMENTE!