Capítulo 9 - Solidão

1.8K 291 107
                                    

— Hoseok?

Jeongguk exclamou horrorizado. Realmente não conseguia acreditar que de tantas pessoas naquele maldito shopping, tinha que topar logo com ele. Imediatamente empurrou-o para longe de si, como se este estivesse carregando alguma doença infecciosa.

Hoseok tentou controlar a raiva crescente dentro dele pelo homem que até um tempo atrás, jurava que seria seu melhor amigo para sempre.

— Já faz um tempo, certo?  — ele perguntou em um tom neutro. — Não vai nem perguntar como vai a minha vida?

Jeongguk examinou a aparência do ruivo, arqueando as sobrancelhas quando percebeu que o outro estava vestindo uma camisa grande demais, como se estivesse escondendo algo. Será que havia ganhado peso? Porque seu rosto e suas bochechas estavam muito mais rechonchudas do que se lembrava.

O moreno evitou o olhar do Jung e fingiu procurar por alguém. 

— Vamos apenas fingir que esse encontro não aconteceu. Eu preciso encontrar o Jimin. — Jeongguk estava prestes a se virar quando o mais velho o chamou. — O que você quer, Hoseok?

Hobi engoliu um bolo na garganta ao sentir seus olhos queimarem. Ele precisava ser forte. 

— Como você pode me tratar como uma espécie de lixo descartável depois do que aconteceu?

— Podemos não falar sobre o que aconteceu? Faz parte do passado e eu me arrependi de tudo. — Jeongguk respondeu, ainda evitando os olhos do ruivo. —  Estou feliz agora com o meu marido e você deveria estar feliz com sua vida também. 

— Jeon Jeongguk, você é tão cruel! Nunca pensei que alguém como você, a quem eu tratava como irmão, iria me deixar e me expulsar de sua vida assim. Você realmente era meu amigo? Ou apenas fingiu ser um? — a voz de Hoseok estava começando a tremer e ele cerrou os dentes para evitar desabar.

— Olha, eu não quero mais falar e nem ver você, nunca mais. Acredite no que quiser acreditar Hoseok.

Yoongi, que até então estava ouvindo calado atrás do grávido, não conseguiu conter a raiva que estava sentindo. Sem pensar duas vezes socou o rosto do moreno com força,  fazendo este cair de bunda e as pessoas começarem a parar para olhar para eles.

Jeongguk ficou surpreso com o golpe repentino e sentiu uma dor aguda na mandíbula esquerda. Nem teve tempo de raciocinar direito quando sentiu a gola de sua camisa sendo agarrada duramente, fazendo-o olhar cara a cara para a pessoa que tinha feito isso com ele.

— Você é um bastardo e tanto Jeon Jeongguk. — Yoongi rosnou e acertou outro soco na mandíbula direita dele. Ao longe, ouviu alguém gritando pelos seguranças do local mas, não poderia se importar menos. 

— Quem diabos é você?!  — o moreno gritou de raiva enquanto sentia o gosto do próprio sangue nos lábios.

— Isso é pouco perto do que você merece! Você deveria ter cuidado dele, mas o que você fez? Isso mesmo, o deixou sozinho! — Yoongi respondeu, sentido a raiva consumi-lo mais e mais.

— E quem você pensa que é na vida do Hoseok? Por que está se metendo nos assuntos dos outros?

Yoongi foi pego de surpresa pela pergunta. Afinal, quem ele era na vida de Hoseok? Claro, fizeram amor diversas vezes mas,  sempre foi ele quem expressou seu amor pelo ruivo.  Não sabia se este o amava  também. Hoseok o aceitou e até o deixou morar em sua casa porém, isso foi porque se forçou a entrar na vida dele.

Ele era egoista?

Jeongguk sorriu com o silêncio do loiro,  enquanto Hoseok mantinha sua cabeça baixa, com medo de que alguma mídia estivesse por lá e capturasse a cena que estava acontecendo ao seu redor.

Uma segunda chance ao amor (Yoonseok/Sope)Onde histórias criam vida. Descubra agora