Era uma vez uma rapariga. Ela vivia no seu próprio mundo. Este mundo não era muito distante, mas também não era muito perto. Neste mundo, as pessoas tentavam ser felizes, viam sempre o melhor nas pessoas e contentavam-se com o pouco que tinham. Uma boa refeição ou passar um dia com os amigos, por exemplo, bastava para uma pessoa daquele mundo ser feliz. Mas, com o tempo, este foi perdendo a sua população, restando apenas uma pessoa.
Ninguém morreu, mas quem não consegue possuir os valores "certos" nunca entrará neste mundo, passando a viver noutro mundo, cheio de gente corrupta, ciumenta e mesquinha.
Com o passar do tempo, a única habitante foi percebendo que as pessoas não são tão boazinhas como achava, mas o que lhe permitiu continuar no seu mundo foi o facto de que ela nunca perdeu a esperança de que o mundo melhore e que se encontre finalmente a paz. Ela tinha esperança e ela era a última esperança. Esta rapariga conhece-me, mas eu ainda não a conheço (totalmente).
  • Portugal
  • JoinedJune 9, 2014



Last Message
Victoria_Wolferl Victoria_Wolferl May 05, 2019 11:03PM
Já não venho aqui há algum tempo!!Ainda há alguém por aqui que se recorde da história da Diana e Diogo?? 
View all Conversations

Stories by Victoria Worferl
Desejos do Coração by Victoria_Wolferl
Desejos do Coração
Continuação de Fragilidades do Coração *-* Convém ler a obra anterior antes de iniciar a leitura desta ;)
Um pedaço de amor by Victoria_Wolferl
Um pedaço de amor
Sabem o que é perder a família e de um momento para o outro terem um reino para governar? Ou melhor, sabem o...
ranking #544 in new-adult See all rankings
Alma by Victoria_Wolferl
Alma
Bem, com o sucesso da minha história "Fragilidades do Coração", eu senti que estava a precisar de c...
ranking #92 in pessoal See all rankings
1 Reading List