Não sou boa para explicar sobre mim mesma. Nunca fui muito fácil de se resumir, gosto de pessoas que me descobrem, me desmontam e me desembaralham. Não sou grossa. Bom, eu sou. Mas não tanto, me entende? Também sou doce, e carinhosa. Sei que sou chata também, mas também sou legal. Só enxergar. Sou uma pessoa boa, porém mal. Entende? Minha grosseria, minha ignorância, é só uma forma de me proteger. Desculpa, mas cansei de pessoas que marcam e depois vão embora. Por medo de partidas, tem gente que não deixa as pessoas se aproximarem, e eu sou assim. Mas no fundo, eu imploro por pessoas novas. Você me entende? Isso são apenas verdades sobre mim! Sei que essas palavras estão confusas, mas é para combinar com meus sentimentos. Eu sou a consequência de decisões erradas, estradas contrárias, tentativas falhas. Eu sou quem você esbarra na rua e vira a cara. Eu sou aquela que acena com as mãos trêmulas e ninguém sorri de volta. Eu sou a menina estranha, a garota bizarra, a pessoa torta. Sou o verso rabiscado que ninguém lê, a pagina rasgada que ninguém vê, o livro manchado que ninguém quer. Muitas vezes menina, tantas outras vezes mulher. Sou a ferida que nunca cicatriza. O guarda roupa lotado, os armários empoeirados, os porta-retratos sem retratos. A apatia. Eu sou quem a vida escolheu pra ser o maior exemplo de solidão, mas também sou quem ninguém nunca escolhe pra ser uma gota de felicidade. Tentar, tentar e tentar é estar pedindo pra quebrar a cara milhões de vezes. Se existe alguém que almeja tudo e não consegue nada, esse alguém sou eu. Sou eu. Não sou o que ninguém espera de alguém. Não sei ser quem eu espero ser. Uma incógnita insignificante no meio da equação é descartada: Complica o cálculo, confunde a mente, se torna perda de tempo. Uma incógnita no meio de uma redação é burrice: Sem sentido, sem nexo, inútil. Uma incógnita no meio da vida é insignificante: Sou eu.

Instagram: https://www.instagram.com/lanny__ferreira/
  • Marte
  • JoinedDecember 22, 2014



Last Message
Lanny_Ferreira Lanny_Ferreira Dec 17, 2016 12:41AM
"E depois de tanto se machucar, a gente entra na ponta dos pés no coração alheio, com uma insegurança, uma incerteza, um medo de que vão expulsar de novo a gente de lá... É que da última vez doeu tan...
View all Conversations

Stories by Lanny Ferreira
A linha tênue do prazer by Lanny_Ferreira
A linha tênue do prazer Short Story
Este livro tem o objetivo de explorar as fantasias e fetiches mais íntimos sobre a sexualidade, e por fim registrar através da escrita o erotismo em todos os campos de prazer, excitação e desejo.
Amor sem medidas  by Lanny_Ferreira
Amor sem medidas Random
Duas amigas vão descobrindo pouco-a-pouco os limites de uma avassaladora paixão.
L a r a by Lanny_Ferreira
L a r a Romance
Alguém lembra da bebezinha deste conto? Pois é, ela cresceu. O tempo passa rápido e não há tempo para cruzar os braços e esperar as horas passar, ele é tão veloz quando o piscar das suas pálpebras. Quarta temporad...
5 Reading Lists