NEW: Introducing Tap. Addictive chat stories for your 📲 Now in 10 languages
DOWNLOAD NOW!
Mad Love

Mad Love

68.2K Reads 5.2K Votes 50 Part Story
Docinho do Sr. C By GangstaHarley Updated Dec 27, 2016

Certa vez me perguntaram até onde eu iria por amor. Respondi, como a mulher que eu era, que eu iria até onde não houvesse dor. Mas isso foi antes de conhecê-lo.  Meu amor estava longe do entendimento humano, longe da sanidade, longe de tudo aquilo que era certo. Era algo vicioso, violento, destrutivo... Cada vez que ele me tocava, eu me sentia ruir um pouco mais. Cada vez que ele me beijava, eu me sentia morrer um pouco mais. Cada vez que ele me fodia, eu me sentia desmoronar um pouco mais. Ele era a porra da minha ruína, da minha destruição, da minha morte, e eu estava tão apaixonada que não conseguia enxergar que a Dra. Harleen Quinzel agora não passava de uma lembrança, de um sussurro fraco na insanidade da minha mente. 
  
     Mas era disso que eu sempre havia precisado. Ser destruída. 
    
  
       A história de Harleen Quinzel nunca me pareceu justa. Aqui eu escrevo a justiça. Fanfic com os personagens da história em quadrinhos da DC Comics. Arlequina e Coringa. GangstaHarley, 2016. Todos os direitos reservados.

K_C_Silva K_C_Silva Mar 17
Asilo? Não seria sanatório ou manicômio?
                              Pelo (pouco) que sei sobre a DC e a história do Coringa, ela estava num manicômio  (para loucos) não em um asilo (para idosos). Ou estava? Desculpa fiquei meio confusa com isso.
MEO DEOS DO CEO! OQ FOI ISSO?! N PENSA MERDA, N PENSA MERDA, N PENSA MERDA......
                              
                              ISSO N FUNCIONA!!!!