Perdoa - Sérgio Ramos

2.8K 114 2
                                    

Pedido feito por RosineliaSantosSousa
Espero que goste💕

Era mais um dia ensolarado na capital espanhola quando S/N se levantou, esses dias eram os seus favoritos. Nunca fora fã de chuva, achava que o sol sempre trazia alegria e animação. Para uma pessoa especial, não era o sol que iluminava sua vida, mas sim o sorriso e o olhar de S/N.

Quando Sérgio conheceu a moça, ela tinha acabado de sair de um noivado, estava acabada e totalmente abalada com o término. Ramos se aproximou sem segundas intenções, só queria ajudar a jovem com coração partido. Se tornaram amigos incrivelmente rápido, viraram o refúgio um do outro. Quando o mundo de Sérgio estava desabando, S/N que o consolava e quando a espanhola tinha problemas com a família, era Ramos que a socorria.

A amizade era regada de amor e respeito, muito bela e logo se transformou em algo mais. Quando perceberam que estavam apaixonados, conversaram sobre o sentimento e chegaram a conclusão de que foram feitos um para o outro, o destino os queriam juntos. Entretanto, após esse tempo todo de namoro, a mulher sentia que o jogador estava diferente. A cara vivia fechada, não tinham mais momentos como antes e viviam brigando. Ela não conseguia entender o porquê disso tudo, afinal não tinha feito nada.

Resolveu o chamar para conversar e colocar para fora sua decepção com seu parceiro. Lá estava ela, sentada na cama enquanto balançava a perna por conta do nervosismo. Escutou a porta da entrada se abrir e levantou pulando, caminhando até a sala de estar.

-Sérgio, eu sei que você acabou de chegar do treino mas eu não aguento mais isso, precisa falar comigo antes de qualquer coisa.

-Eu acabei de chegar do treino, deixa eu descansar e amanhã nós conversamos. - disse passando reto em direção ao quarto.

-Não. - Ela falou elevando um pouco a voz para chamar sua atenção. -Eu te conheço e sei que amanhã vai vir com a mesma desculpa, eu não aguento mais essa enrolação, Sérgio! Eu estou tentando entender o que está acontecendo com nosso relacionamento, mas parece que você não quer colaborar.

-O que você quer entender? - Ramos disse se virando para ela.

-Há dias eu venho percebendo que você está distante, sem interesse nas coisas que envolve a gente e sempre na sua, sem querer compartilhar o que está passando. O que aconteceu para chegar a esse ponto? Está cansado do nosso relacionamento? - fala o encarando, tentando segurar as lágrimas.

-Eu? Cansado do nosso relacionamento? S/N você sabe que eu sempre vou te amar e manter este relacionamento…

-Não é o que parece. - murmurar.

-Deixa eu terminar de falar, por favor. - pede segurando em sua mão - Eu nunca vou me cansar do nosso relacionamento, mas eu nunca vou querer te prender a algo que você não queira mais.

-Mas quem disse que eu não quero mais isso? - a espanhola perguntou balançando a cabeça sem entender nada.

Sérgio respira fundo e responde.

-Eu vi o seu ex conversando com você na floricultura quando eu passei de carro e também escutei você falando com ele no telefone e está tudo bem, S/N. Se você quer voltar com ele, volte, posso sair machucado mas pelo menos você estará feliz. E é por isso que ando distante, você não sentiria pena na hora de terminar comigo e seria mais fácil para ti. - Disse com lágrimas nos olhos.

-Eu não acredito nisso, sinceramente. - disse balançando a cabeça. - Você podia muito bem vim falar comigo antes de tomar essas atitudes, tirar as dúvidas que você tinha e não guardar para você. Pensei que nossa promessa de sempre contar o que estava acontecendo um com o outro continuasse de pé.

-Me desculpa, S/N, não foi minha intenção.

-Você sabe o quanto me deixou preocupada durante esses dias? Pois eu fiquei, e muito. Eu nunca, nunquinha, teria mais nada com o Matheus e achei que tinha deixado isso bem claro para você! Eu passei esses dias achando que tinha feito algo de errado, quando na verdade não fiz nada. - disse irritada.

-Então porque estava tão próxima do Matheus? - rebateu.

-Porque ele estava precisando de ajuda! Se você tivesse falado comigo, saberia que ele só queria uma arquiteta, e olha que coincidência, eu sou né? - debochou - Ele se casou e estava precisando de uma ajuda profissional na nova casa, ele me chamou para ajudar e eu fui. Sua crise de ciúmes foi desnecessária e essa tática de se afastar pensando que eu iria terminar também, volte três casas.

S/N se retirou estressada e foi para o quarto. Depois de tomar um banho no banheiro de visitas, deitou-se por lá mesmo e ficou. Odiava brigar com sua companheira, ainda mais por ciúmes. Ele sabia que estava errado por ter essa crise de ciúmes e não ter ido falar com ela, mas poxa, ele sentia que ela também podia ter o avisado que trabalharia com seu ex-noivo. Ele sempre foi inseguro em relação a isso e queria que tivesse sido avisado para evitar outros pensamentos. Ficou bolando alguma coisa para pedir desculpas a S/N e assim que conseguiu, fechou os olhos e foi dormir.

No dia seguinte S/N acordou de mau humor e não era o tempo o culpado, e sim um certo camisa 4. Se arrumou e foi trabalhar, já Sérgio foi colocar seu plano em ação.

Ligou para seus contatos e, quando deu 17h, começou a preparar a casa para um jantar surpresa. Pôs rosas e velas por toda a sala de jantar, comprou a comida favorita da sua amada e colocou na mesa. Depois de arrumar tudo, subiu e se arrumou, mas antes colocou o vestido e o sapato que tinha comprado para S/N para o jantar.

Às 18:30h escutou o barulho das chaves na porta e se preparou, passou a mão pela sua roupa na tentativa de tirar o nervosismo. S/N tomou um susto assim que viu toda a arrumação de sua casa, entrou e se posicionou em frente a Sérgio.

-O que é isso tudo?

-Você já vai saber. Agora sobe e veste a roupa que eu deixei em cima da nossa cama. -fala sorrindo e dá um beijo em sua bochecha.

S/N concordou sem entender muito e subiu. Tomou um banho e obedeceu aos pedidos de seu namorado, descendo logo depois.

-Está linda, meu amor! - Ramos fala sorrindo.

-Obrigada! Estou tentando entender isso tudo. - disse sem graça, ela jurava que tinha esquecido alguma data importante.

-Eu quero te pedir perdão, cariño. Fui um idiota tendo aquelas atitudes e não tendo ir falar com você, eu deveria ter lembrado disso, eu sei, mas os ciúmes não deixaram. - disse chateado consigo mesmo - Eu te amo demais e tenho muito medo de te perder, fiquei sem reação quando te vi com ele e já achei que você não estava feliz comigo. Por favor, me perdoa!

-Eu também quero pedir perdão, eu errei. Deveria ter lembrado de te falar que estava trabalhando para ele e a esposa. Não foi por querer, eu somente esqueci mas prometo que a partir de hoje não esquecerei mais. Eu te amo demais!

-Você é a mulher da minha vida! - disse e beijou S/N.

Os dois tiraram um peso das costas com esse perdão, eles odiavam brigar. Jantaram e ficaram curtindo o resto da noite juntos, sem se importar com mais nada.

imagines • soccer playersOnde as histórias ganham vida. Descobre agora