mentiras

982 75 0
                                    

leila narrando

8 meses, logo mais meu pequeno robert estará em nossos braços

estamos planejando o casamento para daqui 3 meses, vou me recuperar do parto, cuidar do meu filho, casar com o amor da minha vida

estamos todos tensos, eu nem sempre falo dos meus pais, é um assunto super delicado mas vamos lá

meu pai casou de novo faz alguns anos, eu não falo mais com ele porem minha mãe as vezes sim

minha mae vai vir com um tal
namorado , eu literalmente preciso de alguém com laços sanguíneos comigo no grande dia

ja estamos na casa nova e ja esta tudo no lugar, decidimos uma cerimônia pequena so para os mais chegados, e depois a festa para todos

ja alugamos um jardim, roupas e tudo mais , naty esta organizando a festa, não sei nada sobre lua de mel, porém teremos o robert e não quero ficar longe dele

estou deitada sobre o peito da minha futura esposa, enquanto ela faz carinho em mim

são momentos assim que dinheiro nenhum no mundo é capaz de comprar

(...)

os dias estão cada vez mais insuportáveis, melissa não me aguenta, ninguém me aguenta, só você robert
converso um pouco mais enquanto faço carinho em minha barriga

- a banheira ja ta pronta (ela tenta ser carinhosa, mas eu sei que a paciência dela é curta, apesar de ter aumentado durante a gravidez)

(...)

acordo no meio da noite com fortes pontadas no pé da barriga , em minutos ja estamos no hospital, acho que meu filho quer vir ao mundo

eu não sei o que sentir, só a dor, o delírio me consome e então apago

MELISSA NARRANDO

eu estou feliz assustada e muito mais, eu não sei o que fazer, na verdade sei

eu senti vontade de ligar pra minha mãe, eu queria ela aqui pra me abraçar e ficar nervosa comigo

a robert, nem chegou ao mundo e ja me faz ser sentimental

ligação on

- alo?

- robert ta vindo, preciso de você

- chego em 20 minutos

ligação off

- Melissa Santos?

- sou eu doutor, como esta minha esposa?

- por favor venha comigo

assim entramos na sua sala, e la estava leila em prantos

- o que tá acontecendo ?

- bom melissa, sua esposa comentou comigo sobre o nome do filho de vocês, e receio que houve um engano

- que tipo de engano?

- enviei uma serie de exames pra sua residência revelando que seu bebê é como você, infelizmente nada foi para sua nova residência pois fomos avisados da mudança, o que fez com que tudo fosse enviado pra casa da sua mãe, então....

- vc ta dizendo que ela é como eu?

- sim, vou deixar vocês a sós

- pode pedir pra minha irmã entrar quando chegar?

- ok

eu não sei o que dizer a leila, so sinto raiva e ódio , eu não quero ver a cara da minha mãe e muito menos a do meu pai, tenho certeza que ele esta metido nisso

- melissa fala alguma coisa

- eu juro que isso não afeta 1% do amor que eu sinto por essa criança, eu passo a amar ela um infinito a mais, agora mais do que nunca, meu ódio pela minha mãe só aumenta, minha irmã vai chegar e vai ficar com você, eu vou por um fim nessa história (me aproximo mais do corpo dela, mais perto de sua barriga, meus olhos alagam, eu ja passo a amar ela mais do que antes) - eu amo vocês, eu volto

assim que sai da sala minha irmã havia chegado

- o que aconteceu? pra onde você vai?

- fica com a leila, vou resolver uma coisa

—————————————————————————————-

eu sempre amei você ( interssexual )Onde as histórias ganham vida. Descobre agora