I - Matthew Burn

1.9K 87 6

Sempre fui um garoto muito feliz e brincalhão, todos queriam ficar perto de mim, e eu gostava disso, queria sempre mais, queria sempre me sentir amado, com minha limitada cabeça de criança, achava que era porque gostavam de mim, mas tudo não passava de uma farsa. Todos só queriam ser meus amigos pelo simples fato de eu ser da familia imperial do reino do fogo, sempre querendo algo em troca, e só vim reparar isso há poucos anos. Odeio essa vida, as pessoas me impõem muitas coisas, eu devo ser certinho e comportado o tempo todo, não sou assim, essa vida de muitos luxos e regalias não é para mim, sou simples e vou continuar sempre assim. Sou o tipo de pessoa que interage com o povo e ajuda eles, diferente dos outros que as vezes o tratam até com desprezo.

Em toda minha vida, só encontrei uma pessoa que realmente me amava e era minha amiga pelo que eu sou de verdade, e não pelo que eu tenho. Era uma garotinha, não sei seu seu nome, mas toda tarde nós brincavamos em um parquinho (Nós éramos bem pequenos) bem perto da floresta que tem aqui, isso até que um dia em que seu pai chegou lá e a levou embora, depois disso eu nunca mais a vi, e nunca esqueci dela, espero um dia encontrá-la

Hoje é meu aniversário de 15 anos e estou muito animado, tudo aqui em minha casa está em clima de festa, paredes enfeitadas, balões por toda parte, muitos presentes foram deixados no meu quarto, e muito mas muito barulho, felizmente consigo ouvir um barulho de batida na minha porta.

- Quem está ai ?! - Perguntei

- Sou eu, a pessoa que mais te ama na vida - Fiquei muito feliz em ouvir a voz de minha mãe, já se passaram dois dias desde nosso ultimo encontro que foi no salão real, ultimamente meus pais andam muito ocupados com algumas coisas que andam acontecendo perto da Floresta Proibida, eles não me contaram o que está acontecendo, mas deve ser muito sério.

- Pode entrar - Respondi.

Ela entrou em meu quarto com um lindo bolo de chocolate (que no caso, eu amo muito) me desejando felicidades e essas coisas que se falam em aniversários. Eu sou incrivelmente parecido com ela, seus olhos azuis eram num tom tão claro que chegavam a ser hipnotizante, seus longos cabelos loiros quase dourados dançavam ao vento a cada passo.

Depois de algum tempo, me entregou uma pequena caixa, especificamente um cubo preto com algumas inscrições em uma linguagem estranha e com desenhos que eu não conseguia compreender. Ela falou que o meu futuro e o futuro de todos estavam naquela caixa e dentro de mim. Começou a contar-me a antiga historia de como surgiu o reino do fogo.

"Tudo não passava de apenas escuridão e pessoas vagando de um lado para o outro sem saber para onde ir, mas em meio a terra infértil, surgiram lindas flores flamejantes, e delas apareceram duas asas. No inicio achávamos que era um pássaro, porém, por fim se revelou que era um ser mágico, era uma mulher com asas de corvos, ela tinha a pele na cor vermelho claro e cintilante, seus cabelos apreciam pegar fogo, suas asas eram pretas e enormes.

Ela se ergueu ao céu e iluminou tudo que podia ser alcançado por suas chamas. Agora todos os seres viventes emanavam uma luz vermelha e forte, casas se construíram instantaneamente, e dalí surgiu o reino do fogo.

Não muito tempo depois, nossa amada mulher-pássaro havia sumido e o caos voltou novamente.

Só havia uma pessoa que poderia salvar o reino do fogo: um jovem desconhecido que ainda não havia nascido."

Eu não sabia o que ela queria transmitir pra mim me contando essa historia -Indaguei à ela o motivo estar me contando novamente como surgiu o reino, e em resposta falou:

-Você saberá o que significa na hora certa. Aguarde e verás.-

The KingdomsOnde as histórias ganham vida. Descobre agora