For every story tagged #WattPride this month, Wattpad will donate $1 to the ILGA
Pen Your Pride

Grande noite - Capítulo 3

85 1 0

-- Onde é que você mora? - perguntou ele ligando o carro.

Expliquei direitinho a ele onde eu morava, eu não morava muito longe da boate. Fomos da balada até a minha casa em silêncio, não falamos nem se quer uma palavra pelo caminho. Até que quando olhei já estavámos na rua do meu prédio. E apontei com o dedo para o prédio e disse.

-- Ali, aquele ali é o prédio onde moro.

Ele estacionou em uma vaga que tinha na frente do prédio, ele desceu do carro e abriu a porta para que eu saísse. Paramos na frente do prédio e ele perguntou.

-- O que achou dessa noite?

-- A noite está muito bonita, a lua, as estrelas... - falei em um tom irônico, mas ele me interrompeu.

-- Eu não estou falando dessa noite em si, estou falando da nossa noite. - disse ele com um sorriso naquele lindo rosto.

-- Ata, nossa noite foi boa.- falei retribuindo o sorriso.

-- A nossa noita não foi boa, ela foi maravilhosa. - falou ele chegando mais e mais perto.

Quando notei, ele estava colocando uma mão na minha nuca e a outra na minha cintura, me puxou para mais perto. Os nossos rostos estavam próximos bem próximos. Até que em um empurrãozinho que eu dei nós já estavamos nos beijando. Um beijo quente, demorado, que me deixou com as pernas bambas.

-- Desculpe, eu não queria te pressionar. - disse ele com uma sinceridade na voz.

-- Não precisa se desculpar, se eu não quisesse, eu não deixaria você se aproximar tanto de mim. - falei com um soriso torto nos lábios.

-- Me passe seu número? - falou ele me dando uma piscada.

Passei meu número do celular para ele, e eu pedi o número dele, e ele me passou.

-- Posso passar aqui amanhã para te levar para almoçar?- perguntou ele.

-- Queria muito, mas infelizmente não  vai dar. já tenho um compromisso marcado a hora do almoço. - falei mentido, eu não queria parecer ser essas mulheres fáceis de ser conquistada.

Mas ai pensei melhor, eu iria almoçar com o Pedro para contar tudo que tinha acontecido naquela noite.

-- Então tá, vou embora já está tarde.- disse ele me dando um selinho, e foi pegar o carro.

Não me deu nem tempo de lhe dar um tchau. Acho que ele ficou magoado por eu não ir almoçar com ele no dia seguinte. Quando ele saiu buzinou para eu ver que ele já estava indo embora, então eu lhe dei um pequeno aceno com a mão.

Dentro do elevador lembrei que tinha que mandar uma mensagem para Pedro avisando que eu já tinha chegado em casa. Pois quando eu não mandava mensagem ele ficava preocupado.

Quando cheguei na porta meu celular começou a tocar. Entrei para casa e olhei no visor, e era Igor.

-- Alô, Igor? - perguntei confusa sem saber o porque ele estava me ligando se ele tinha acabado de ir embora.

-- Liguei só para saber se você me deu o número certo. - senti um tom bem sincero na sua voz.

-- E então o número está certo? - perguntei dando gargalhada.

-- Está certíssimo, ao contrário eu não estaria falando com você certo. - disse ele retribuindo a gargalhada que eu tinha dado anteriormente.

-- Posso te ajudar em mais alguma coisa, ou posso ir tomar banho? - perguntei sendo irônica.

-- Não, pode ir dormir minha flor, e tenha bons sonhos comigo e pode ter certeza que estarei sonhando com você. - disse e desligou.

Tomei banho e fui dormir.

Ao acordar lembrei de todo o meu sonho e Igor estava estava certo. Eu tinha sonhado a noite toda com ele.

Peguei meu celular que estava na cabeceira do lado da minha cama e mandei uma mensagem para Igor e outra para Pedro, desejando lhes bom dia.

E logo em seguida recebo uma mensagem de Pedro e estava assim.

"Bom dia, my angel. Já estou a caminho da sua casa, e vou querer saber tudo que aconteceu ontem a noite."

E o mandei a seguinte mensagem.

"Estou indo tomar banho, e vou deixar a porta aberta para você entrar."

Como o porteiro já conhecia Pedro, ele não precisava interfonar.

Levantei da cama, peguei a roupa e fui tomar banho, que por sinal ia ser demorado pois eu ia lavar a cabeça.

Pela última vezLeia esta história GRATUITAMENTE!