Kisses,Kicks, Harry

446 21 3

Isabella’s P.O.V

Acordei com uma sensação estranha de estar a ser observada. Abri os olhos lentamente pois pela pequena janela que existia no quarto deixava entrar muita luz, o que feria os meus olhos. Sentei me na cama e olhei em direção da porta.

Xx: Bom dia-ouvi uma voz ligeiramente rouca.

Olhei com mais atenção e numa zona mais escura do quarto e vi Zayn.

Eu: Bom dia-respondi com uma voz rouca e tremida.

Ele aproximou se de mim e olhou me cautelosamente de cima a baixo. Um arrepio percorreu o meu corpo e um tremor nervoso começou se a notar na minha respiração. Ele ajoelhou se á minha frente e olhou me nos olhos, como se estivesse a tentar ler me o pensamento.

Zayn’s P.O.V.

Assim que acordei levantei me e fui ter ao quarto da Isabella, tive todo o cuidado ao entrar para não fazer muito barulho. Ela ainda dormia, o sol ainda não tinha nascido e os pequenos reflexos da luz nocturna embatiam sobre a sua pele pálida e relativamente avermelhada devido ao choro.

Logo após os raios solares irromperam pela janela do quarto ela começou a acordar. Olhou me e logo após de lhe dizer bom dia ela disse um bom dia extremamente sedutor. Não sei o que me aconteceu de seguida, apenas movi o meu corpo para a sua frente e ajoelhei me á sua frente. Ela é tão bonita. Os seus olhos verdes avermelhados de tanto chorar, o contraste com a sua pele clara e os seus cabelos escuros, realçavam as suas formas. Levei as minhas mãos á sua face e segurei a levemente. A sua pele era macia e apetecível. Estava marcada e era por minha culpa. Olhei com cuidado para cada traço do seu rosto, aproximei o meu rosto do dela e os meus lábios convergiram com os dela. Esta sensação era tão boa. Ela era tão quente, calma e acolhedora.

Isabella’s P.O.V:

Ele beijo me? Espera, o quê? Ele beijo me! O meu corpo estremecia por todo lado. Os seus lábios invadiram os meus sem nenhum aviso prévio, sem nenhum motivo. Assim que ele me beijou eu desviei a cara quase instantaneamente. Ele parece que percebeu a minha deixa e afastou se. Virou se para a porta, enquanto eu apenas dirigia o meu olhar para a parede em frente á cama.

Ele suspirava de forma aparentemente frustrada e passava as mãos pelos seus cabelo despenteando o ligeiramente.

Zayn: Desculpa, não sei o que me deu.- Disse virando a cara de lado e olhando um espelho pregado na parede.- Tens aqui o pequeno almoço-disse apontando para a mesa onde se encontrava um tabuleiro com comida.

Não tive coragem para dizer nada, nem coragem para me mover tinha. Ele tinha me deixado sem jeito, completamente atordoada. Não obtendo resposta da minha parte, Zayn sai do quarto e fecha a porta com um pouco de força.

Zayn’s P.O.V:

Saí do quarto e encostei me á porta do mesmo assim que a fechei. Oh meu deus o que é que me deu, porra? Eu não podia ter feito isto, não podia.

Esperei meia hora para que ela come se e se “equipasse”. Passado esse intervalo de tempo bati á porta e ouvi um entre. Abri a porta e olhei a friamente.

Eu: É melhor vires comigo hoje vais ter treino. Vais aprender a defender te e a atacar.

Sai do quarto da Isabella e fui para o salão principal sempre sendo seguido pela Isabella. Assim que chegamos disse lhe para se colocar ao pé dos outros novatos. Ela mantinha o seu olhar fixo no chão desde aquele momento constrangedor e eu não podia deixar de sentir remorsos e vergonha pelo que se passara.

Psychotic//Zayn Malik//Leia esta história GRATUITAMENTE!