Capítulo 2

204 10 0

Acabei agora de me preparar para ir à festa. Não estou com muita vontade, mas tenho de ir, já combinei com eles à muito tempo. Estava a passar pela sala para ir ao aparmento do Afonso e da Laura, para ir ter com eles. Quando o meu irmão me chama para ir falar com ele:

-Sofia, anda cá preciso de falar contigo.

-Podes dizer mas tem de ser rápido, eles estão à minha espera.-disse sentando-me ao lado dele, no sofá.

-Ja sabes o que vais fazer em relação a irmos viver para Londres?

-Ja, depois de pensar a tarde toda, cheguei à conclusão que vai ser muito bom para mim, por isso vou.

-E o que vais fazer em relação ao Afonso e aos teus amigos?

-Em relação aos meus amigos, sempre posso falar com eles pelo Skype. Em relação ao Afonso, não sei tenho de falar com ele.-disse já a ficar emocionada, ao pensar que me vou afastar de pessoas muito importantes para mim.

-Calma, não fiques assim, se realmente se amam, isto não será um obstáculo.

-Pois, esse é o problema eu estou apaixonada por ele, mas não o amo. Mas mesmo não o amando eu não me quero separar dele.-não me consegui conter e já estava a chorar.

-Calma, não chores. O melhor que tens a fazer é falar com ele com calma. Dizeres todo o que sentes e se tiver que acabar, acabou, quem sabe em Londres não encontras um homem que realmente ames.

-Obrigado. Sabes sempre o que dizer para me acalmar.

-Sou teu irmão, conheço-te muito bem. Agora vai, tens pessoas à tua espera.

-Ok, até logo. Adoro-te Juninho.-disse levantando-me e dando-lhe um beijo na bochecha.

-Também te adoro, até logo.

Ao ouvir isto abri a porta e sai. Já no andar de baixo, bati à porta, do apartamento da Laura e do Afonso. Passados alguns segundos o Afonso veio-me abrir a porta com um sorriso . Ele puxou-me para dentro, fechou a porta e deu-me um beijo.

-Estava a ver que não vinhas.

-Desculpa, estive a falar com o meu irmão e perdi-me nas horas.

-O que interessa é que já estás aqui. Anda, eles já estão na sala.

Não disse nada, apenas fui para a sala ter com os outros.

-Olá!-disse a Laura ao me ver.

-Olá!-disse também o Gonçalo.

-Oi pombinhas!-disse a brincar com eles.

-Acho que já podemos ir, a Sofia já chegou.-disse o Afonso.

-Esperem tenho uma coisa para vos dizer.-disse.

-Querem ver que vou ser tio.-gozou o Gonçalo.

-Claro que não.-disse a rir.

-Conta de uma vez.-quase que implorou a Laura.

-Então aqui vai,-comecei-o meu pai hoje teve uma reunião, onde lhe disseram que vai ser promovido mas vai ter de se mudar para Londres e eu e a minha família decidimos que também vamos.-disse com lagrimas nos olhos.

-Mas porqué, não estás bem aqui?-perguntou o Afonso a chorar.

-Desculpa, mas a minha vida vai mudar e lá vou poder estudar numa grande universidade como Oxford.-disse também a chorar.

-Mas e nós, a nossa relação, os teus amigos?-voltou a perguntar o Afonso.

sempre podemos falar pelo Skype e sobre a nossa relação falamos amanhã, sozinhos.-disse.

-Vamos deixar as tristezas e vamo-nos divertir.-disse o Gonçalo a chorar.

-Isso mesmo, depois falamos, sobre isso, agora aproveitar enquanto estamos os quatro.-disse a Laura também a chorar.

-Concordo, ainda falta algum tempo até eu ir, mas vamos aproveitar ao maximo esse tempo.

-Tambem acho, quero aproveitar ao maximo, a minha namorada enquanto posso.

The Best Friend Of My BrotherLeia esta história GRATUITAMENTE!