arrependimento

1.3K 91 4
                                    

LEILA NARRANDO

assim que ela saiu eu chorei, meus hormônios estão me matando, eu nao sei por que não lembrei de ontem

eu detesto ficar no clima ruim com ela, então vou prepara o almoço e tentar fazer as pazes

ponho uma roupa confortável, e desço pra cozinha, ponho uma música que eu gosto no casa day, eu literalmente to usando uma camisa larga e só

vou fazer strogonoff, sei que ela ama, no relógio marca 10:56, vai dar certinho

MELISSA NARRANDO

depois de alguns minutos na esteira ouvindo uma música eletrônica, me dou por satisfeita, depois de quase ter morrido levantado peso, quero voltar pra casa logo e me redimir com ela

sei que não estou sendo compreensiva o suficiente, é mais difícil pra ela do que pra mim

pego o meu celular e porra, ja é quase 12:30 , tenho que correr pra preparar um almoço gostoso pra ela

entro no elevador e rapidamente chego em casa, fico literalmente sem reação

minha esposa se encontra com uma camisa larga, cabelos presos, enquanto cozinha.... huum meu prato favorito, strogonoff

chego mais perto sentindo o cheirinho da comida gostosa

- huuuum, vida sabe que era pra estar deitada né?

- eu so quero mimar um pouco minha noiva

- não ta mais com raiva de mim? (ela lentamente se entrega a um abraço meu, mesmo sabendo que eu estava podre de suor)

- eu sei que tá difícil pra você, toda a mudança de humor e tals, então hoje, eu e vc maratona de filmes e muito carinho....

- eu vou só tomar banho e arrumar a sala, a nick pode vir também?

- eu tomei a liberdade de chamar todo mundo, eles chegam 14:30 (desco minhas mãos pra bunda, enquanto forço o quadril dela sobre uma pequena elevação que se forma dentro da minha cueca ) você pode tomar um banho, e eu espero você aqui pra almoçar, tudo bem?

- eu quero muito fazer uma coisa, você deixa?

- mais o almoço vai esfriar....

- rlx vc vai gosta (faço com que ela se sente sobre a mesa e retiro sua blusa com cuidado e da maneira mais sensual possível) eu vou te chupar, bem gostoso, com força , e depois que você gozar gostoso na minha boca, nos vamos tomar banho, ok?

- claro....eu... quero muito

esse foi meu sinal

me coloquei entre suas pernas e passei meus dedo sobre sua buceta levemente molhada

- não enrola não, me chupa gostoso

eu adoro levar ela do céu ao inferno em poucos minutos
deixo beijos em sua virilha, e cada vez mais consigo ouvir seus gemidos

sem enrolar mais dou lambidas longas e vagarosas por toda extensão da buceta dela

suas mãos logo tomam conta da minha cabeça forçando a mesma contra sua buceta

- aaaaa moor eu amo sua língua gostosa, eu to quase

não consigo descrever o quão prazeroso é ouvir ela gemer, puxar meus cabelos

mais alguns minutos chupando e ela gozou gostoso na minha boca

subo meus beijos por todo seu abdômen até chegar em seus lábios o de deixo um simples selinho, mais ela logo aprofunda o beijo, logo suas mãos estão dentro do meu shorts apertando meu pau com certa agressividade

sem perder tempo tiro o a roupa e ela se põe de joelhos e me olha com uma cara de puta safada que so ela tem

ela começa chupando so a cabeça me fazendo delirar

sabe quando você ta tão excitado que não ouve nada?

sinto falta de calor da boca dela no meu pau

- amor cade voce? (digo ainda de olhos fechados)
silêncio

abro os olhos e nada dela, so tem uma coisa que pode acalmar a fera entre minhas pernas

me visto adequadamente e vou a procura dela e nada
subo as escadas e la esta ela com minha mãe conversando na sacada, porra nem pra me avisar

LEILA NARRANDO

ela ja foi entrando, não tinha como dizer: espera na sala, to terminando de chupar sua filha

subimos pro quarto, estamos na varanda agora, eu esqueci de desmarcar com ela agora to aqui enrolando

tadinha da lissa, falando nela da pra ouvir o barulho do chuveiro, ela vai me matar

- eu não to muito disposta, minhas costas doem muito, estou com quase 7 meses (eu estou de roupão, não achei adequado ficar so de blusa né)

- entendo querida podemos deixar pra outro dia, eu ja vou indo, não quero trombar a melissa

descemos até a porta, e pra minha surpresa quem estava esperando na porta?

naty teteu e nick

no começo ficamos todos em choque

naty: so passei por que nick queria ver vocês, mas não vamos demorar

nick: mamãe a gente nao ia dormir aqui?

agora fudeu

- não precisa mudar os planos de vocês, eu ja estou de saída, sei que minha presença não é agradável, tenham uma boa tarde (disse minha sogra)

- não vai não vovó, fica com a gente (porra agora to me sentindo mal)

- hoje não da minha florzinha, pede pra sua tia leila me ligar de vídeo para conversamos ta bom, a vovó te ama

ela saiu, nick com os olhos cheios de lagrimas, eu com o coração na mão

la se foi a tarde

—————————————————————————————-


eu sempre amei você ( interssexual )Onde as histórias ganham vida. Descobre agora