Capítulo 6 - Cerimônia

10 0 0
                                                  

 Após Lady Catherine sair, Jane voltou:

- O que ela disse Lizzy? – Indagou Jane, com uma expressão preocupada.

- Questionou-me se eu estou certa sobre casar com o Sr. Darcy – Respondeu Elizabeth, preocupada.

- Lady Catherine parece não ter bom senso, mesmo! Não se preocupe Lizzy, você ama o Sr. Darcy e ele a ama também. Serão felizes juntos, tenho certeza disso! – Exclamou Jane.

- Eu sei Jane, mas tenho medo das críticas.

- Eu estou do seu lado, agora e para sempre. Sabe disso... bem, vamos terminar de te arrumar – Jane começou a ajeitar o vestido de Elizabeth, e trouxe consigo a caixa onde estava o véu. – Deixe-me colocar seu véu.

Depois de estar pronta, Elizabeth e Jane se dirigiram à carruagem que as levaria até o local da Cerimônia. Lizzy estava tão nervosa que suas mãos tremiam. Jane que percebera isso, decidiu dizer algo para que Elizabeth não se preocupasse muito:

- Lizzy, tenho uma novidade: Charles comprou uma propriedade em Pemberley, não é tão perto da residência do sr. Darcy mas vamos nos ver frequentemente. Queria lhe contar antes, mas acabei adiando – Disse Jane, olhando pela pequena janela da carruagem e admirando a garoa persistente.

- Por que não me contou antes? Isso é ótimo querida irmã! – Exclamou Elizabeth surpresa e feliz por que teria sua irmã predileta, por perto.

- Não conheci a casa ainda, mas Charles disse que vou adorar, parece que o jardim é grande e há um salão enorme, maior do que o da propriedade de Netherfield. Seremos vizinhas Lizzy!

- Estou muito feliz por você, Jane. Vou visita-la o quanto antes.

Antes que terminasse de falar, Elizabeth se deparou com a carruagem parando e a igreja que parecia estar movimentada. Um calafrio percorreu seu corpo e mal conseguia disfarçar seu nervosismo. Jane saiu primeiro e ajudou a irmã a descer, ainda garoava, o cocheiro dispôs de um pequeno guarda chuva e Jane segurava nas partes baixas do vestido de Lizzy para que não sujasse de lama. A sra. Bennet logo avistou as duas e foi chamar o sr. Bennet para que a cerimônia começasse. Elizabeth entrou numa espécie de sala para aguardar seu pai, Jane logo disse:

- Tenho que ir Lizzy, já vou entrar com Charles. Boa sorte amada irmã, tudo correrá bem – disse Jane saindo da sala.

Demorou uns dois minutos para que o sr. Bennet chegasse:

- Ah Lizzy, você está linda! – Disse o sr. Bennet quase emocionado, afinal sua filha predileta estava casando. Em sua mão estava o buque de Elizabeth. – Seu buque filha, sei que somos um pouco orgulhosos quanto nossas decisões, mas você está na direção certa. Darcy é um bom homem, será feliz ao lado dele. – Sr. Bennet entrega o buque para Elizabeth – agora vamos, este homem já esperou demais!

- Obrigada pai!

- Pelo que?

- Por tudo!

Os dois saíram da sala e foram até a entrada da igreja, Jane acabara de entrar; abriram-se as portas e Lizzy viu seu noivo em pé no altar, à sua espera. A igreja estava cheia, algumas pessoas Lizzy nunca havia visto em toda sua vida; Viu Caroline Bingley acompanhada de um homem e para sua surpresa Charlotte estava presente. Não estava sorrindo muito como normalmente as noivas faziam. Mal piscara seu pai já a entregava para Darcy. O qual estava muito bem vestido e mais bonito do que Elizabeth se lembrava. Tudo correu bem, e apesar de tudo o que o padre falava, Eliza só conseguia prestar atenção em Darcy. Seu Darcy.

Como ela, a mulher que sempre dizia que nunca iria se casar, estava agora se tornando uma esposa? A Senhora Darcy!

Talvez a hora mais emocionante fora a troca das alianças e o olhar fixo um no outro, era como se estivessem sozinhos, como se o resto não existisse mais. Darcy não era muito de expressar suas emoções, Elizabeth sabia disso, mas naquele momento os seus olhos diziam: Eu te amo!

O diário de Elizabeth BennetWhere stories live. Discover now