Capítulo quarenta e seis

61.5K 4K 1.2K
                                    

Bruna🎭

Instagram📱

@camargobru: 🤑

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

@camargobru: 🤑

@cabelinhojn: princesa de chernobyl.

Carregar mais comentários...

Instagram📱

Sorri com o comentários do Jonas, e fui lendo os das outras pessoas.

O cara tinha ido pagar a conta, depois voltou com aos mãos no bolso, olhando pros lados.

Luiz: Ai, posso te levar em casa?

Bruna: Não precisa, eu vou de uber.- Levantei, olhando meu celular.- como você tem meu número, depois a gente marca de sair de novo!

Luiz: Não pode ter um outro rolê, depois daqui? Tipo minha casa, ou um motel.

Bruna: Não...- Sorri fraco.- mas obrigada pela noite.

Luiz: Beleza então.- Beijou o meu rosto.- até qualquer dia.

Fiz belezinha pra ele que atravessou a rua, indo pro carro e fui andando pela calçada, depois parei pra pedir um uber mas a merda do aplicativo não tava indo.

Bufei bolada, e me sentei pra mandar mensagem pra Milena, assim ela pediria um uber pra mim do celular dela, mas tirei minha total atenção quando ouvi barulho de carro.

Fiquei olhando por um tempo, mas logo o vidro abaixou me revelando o Pietro, sozinho.

Pt: Tá indo pra casa? - Balancei a cabeça.- entra ai, eu te levo.

Bruna: Tava fazendo o que por aqui?

Pt: Tava numa casa de festa.

Pra que gastar dinheiro se temos uma carona grátis? Então levantei da onde eu tava sentada, dei a volta no carro e entrei.

Pt: Quem foi o otário que te deixou ai sozinha?

Bruna: Ele queria me levar em casa, mas eu neguei porque iria de uber, mas não tava conseguindo chamar! - Falei olhando o meu whats.

Pt: Achei que tu tava com ódio de mim.

Bruna: Mas eu tô, quando eu descer do carro vou passar a não te suportar mais uma vez...- Ele riu.

Pt: Eu falei tudo, e agir daquele jeito porque eu já tava maluco, de droga. Desculpa ai, mais uma vez, por ter encostado em você.

Bruna: Tá..- Falei baixo.- o que mais me deixou triste e com raiva foi a forma que você me ofendeu, me chamando de vagabunda porque eu sou solteira e fico com quem eu quiser, sendo que homem que faz isso é o famoso pica de mel.- Debochei, revirando os olhos.

Pt: Eu sei que nada vai fazer tu esquecer, mas vamo tentar ai uma amizade, colega.

Eu ri fraco olhando pra frente, e em poucos minutos nós chegamos no morro, agradeci o Pietro que me deixou na porta de casa, e quando ia entrar vi o Cabelinho do outro lado, olhando pra mim.

Pt acelerou o carro saindo, eu acenei pro Jonas que tava parado, e da mesma forma continuou.

Eu sabia que ele tava achando que eu tinha saído com o pt, mas não ia perder tempo explicando coisas pra quem não me dar explicações de nada.

Então eu entrei em casa, fechei a porta sem fazer barulho, e já reparei no silêncio.

Tirei meu tênis indo com ele nas mãos até o quarto, e fechei a porta jogando meu celular na cama.

Apenas escovei os dentes caindo na cama, do mesmo jeito que eu cheguei, meu celular vibrava na minha coxa mas eu tava tão cansada que nem me importei em ver quem era, só cair no meu sono bolado.

▪▪▪
+100

No MorroOnde as histórias ganham vida. Descobre agora