Dormi a tarde toda e acordei com uma fome maior do que minha vontade de comer!!

Levantei-me e vi todo mundo tomando banho no mar fiz cara de sono e fui procurar comida...

- Você está aí né!-- Ouço a voz da Charlie e dou uma risadinha

- Não.-- Falo em tom de ironia e ela rir

Fui atrás de alguma coisa pra comer,

Não vi mais ninguém eu acho que foram comprar comida, eu não sabia nem quando a gente ia sair da qui por mim tanto faz!

- Esther você namora o Austin?-- Ela pergunta e eu coro

- Não deus. Me livre credo nunca nessa vida!-- Ela rir e faz um gesto com a cabeça e fomos fazer o que tínhamos de fazer

...

Já tava escurecendo e ninguém tinha chegado fiquei com a Charlie fazendo qualquer coisa Na verdade a Charlie não calava a boca um se quer segundo, alguém tem fita?

Vi a luz forte de um carro e eu fiquei aliviada.., não por medo de ficar sozinha mais sim por insegurança porquê insegurança? Porque a Jade saiu do carro do Austin ao lado dele e depois eles foram arrumar as compras e ninguém nem se quer se aproximava de mim só a Charlie e raramente o Fer porque ele tava pegando a Sara,sara é o tipo da garota sonsa e sínica que e uma que sempre anda com a Jade... Deve ser é pior ela já tentou Papinho comigo mais não rolou né... Vinha gente chegando até mim

- Vem comer a Jade preparou alguma coisa!-- Fala o Austin e vocês acham que eu iria comer a comida que a Jade tinha feito? Credo se eu morrer envenenada por a larva Girl ninguém vai se acusar né mas a gororoba dela eu era obrigada a comer,foda-se todo mundo eu morro de fome mas não como isso que e um desrespeito chamar de comida

- Não vai comer Té?-- Fala ela e eu dou risadas

- pra você e Esther Simpson, e comer sua comida nunca!-- Falo olhando séria

- Mas você vai ficar com fome? É vai desperdiça comida? Você-- ela fala fazendo com que eu mude de ideia

- Olha. Eu não desperdiçava até saber que você cozinhava, agora com licença tenho amis oque fazer-- Falo e me retiro ela baixa a cabeça e solta um riso irônico.. Vaca Red

Puta ridícula, mas rodada do que porta giratória de bancos!

Depois de um tempo depois de eu ficar rodando sozinha... Volto pra barraca que eu estava dividindo com a Charlie. E ela estava lendo um livro qualquer e ela me olhou séria

- Tá tudo bem?-- Pergunto erguendo minhas sombrancelhas

- Olha-- Ela aponta pro Austin e pra Jade ficando no meio de um jogo eu acho e todos rindo, o Austin estava com a mão na cintura dela e ela beijando o pescoço dele... Parei de olhar suspiro e sorrir de volta pra Charlie.. Ela voltou a ler e eu peguei apenas. Uma maçã como eu não tinha comido nada no jantar fui pro outro lado e pedi pra que a Charlie me deixasse sozinha, o vento que batia nos meus cabelos e as lagrimas que se movimentavam.. Dentro de mim eu pensava depois de tudo que aconteceu entre a gente,depois de tudo de ruim que a Jade fez,pra ele como ele pode?

POV /CHARLIE

Esther bom o que eu penso sobre a Eather ela foi a primeira garota que me defendeu e eu já posso dizer que ela é muito importante pra mim, eu não sei oque se passava pela a cabeça dela quando saiu da barraca apenas com uma maça na sua mão, depois que eu mostrei a cena pra ela,mas eu juro em nenhum momento eu pensei que ela sentisse alguma coisa por esse menino eu sinceramente me sinto culpada!

Fernando entra na barraca e da uma olhadinha por todo lado procurando a Esther eu acho,ele sai e não me dirigi uma palavra..,

- Charlie to com fome-- Vejo a figura de Esther e dou uma gargalhada

....

A Charlie era um ser lindo e perfeito ela fez um sanduíche pra mim porque eu já tava me vendo morrer de fome! Ficamos vendo alguns filmes e o Fer senta junto com a gente...

- Charlie faz brigadeiro-- Fala o Fernando e eu dei gargalhadas e ela olhou com cara de tédio pra gente

- Por favo!-- Eu e o Fer fizemos biquinho e ela foi fazer

Own que fofa!

Acho que eu acabei dormindo acordei e não tinha visto ninguém do meu lado,voltei a dormir e acordei logo depois levantei-me e fui ver se a 3° Guerra mundial ainda não tinha acontecido

Vi todo mundo no mesmo lugar de sempre na roda e com alguém contando uma história. Eu não iria porquê sempre o motivo das brigas Sou eu! Ah e desde quando eu ligo pro que outros pensam!

- Oi?-- Falo e todo mundo me olha assustado eu revirei os olhos e riram

- Seus demônios ninguém pode mas ser fofa não é ok morram imundos-- riram mais ainda e eu peguei alguma coisa que o Bryan tava comendo

- Já comeu?-- pergunta o Austin esse idiota! Ainda que se preocupar comigo depois de tudo que ele fez imbecil

- Já porque se essa vaca fizer o jantar ou qualquer comida mas uma vez eu morro de fome. É acreditem se eu morrer ninguém vai ter paz nessa bagaça-- todos riram até a Jade

- Gente cadê a Tasha que não veio mesmo?-- Pergunta a Jade

- Achei que ela tivesse te contado-- Fala o Austin Confuso

- O que?-- Jade diz preocupada

- Ela não veio porque a Esther quebrou a mão dela-- Responde o Austin e eu dei risadas

- Credo essa garota e uma delinquente Ela precisa se tratar o mais rápido possível!-- Fala Jade e todos olham com cara de assustado pra mim.

- Delinquente-- Repito e dou uma risadinha pra ela

Acham mesmo que eu iria deixar barato? Nada Bananada..

- Gente vou dormir boa noite pra quem fica é beijos-- Falei isso e todo mundo me olhou achando que eu tivesse doente.

- Ela não ta normal né-- Ouço uma voz falando quando chego perto da minha barraca, dou uma arrumadinha e percebi que depois de um tempo todo mundo foi dormir,dei uma espiada pra ver se a Jade já tinha ido dormir,como ela não dividia a Barraca com ninguém só facilitava meu trabalho todo mundo já tinha entrado em suas barracas.. E Charlie estava ao meu lado

Levanto com cuidado.

- Onde vai?-- Pergunta a Charlie que droga porra dorme logo.

- Nada Só não to me sentindo bem e vou tomar um pouco de ar.-- Eu sei mentir meu povo eu mereço o Oscar Pinóquio perde e feio. E meu nariz nem cresce

- Tá bom então-- Charlie afirma e volta a dormir

Dancinha da vitória "Tum Tum Tum" ....

Ok tudo que eu preciso fazer e encontrar algum bicho..., fiquei andando e coloquei algumas minhocas na minha mochila,fui até a barraca da Jade que era meia longe da do pessoal então como tinha entrada de ar só facilitou pra mim.

Joguei todas as minhoquinhas alí pra elas brincarem de festa do pijama com a Amiga cobra delas.

Voltei pra minha barraca e dormi como um anjo.

Esther [{A editar }]Leia esta história GRATUITAMENTE!