A revolta começa

24 4 0


Estou em meu quarto no palácio de Buckingham, quando recebo um bilhete anônimo, que diz:

" Sei que está se rebelando. Se rebele, e mostrarei do que sou capaz"

Amasso o bilhete e me jogo em uma poltrona de veludo.

É óbvio que não precisa ser nenhum gênio para perceber que o bilhete é de Seabury.

Ele está me desafiando.

Minha cabeça fervilha, e meu coração bate com força. 

Estou com medo. 

Com as mãos trêmulas, pego um sininho de prata e o toco. 

Styles aparece na hora.

- Senhor?

- A revolta começará agora! Venha comigo!

Styles engole em seco enquanto pego duas pistolas, dois sabres e um punhal que escondo embaixo da cama. Coloco o sabre e a pistola no cinto e dou a outra pistola, o outro sabre e o punhal para Styles.

- Entregue o punhal para Louise. Ela saberá o que fazer com ele. Depois, vá até o estábulo. Rápido!

Ele sai.

Vou até o estábulo e espero Styles, com um único pensamento:

Samuel Seabury, meu professor particular... você será derrotado por um traidor...


The King's sonLeia esta história GRATUITAMENTE!