11. Jogos Vorazes

1K 176 111
                                    

HELENA

Toda sexta-feira as duas primeiras aulas eram de biologia. A professora sempre chegava pontualmente às sete horas da manhã na sala de aula.

Mas naquela sexta-feira algo estava estranho. Eram sete e dez e não havia sinal da professora Ana Carolina.

O trio está aqui, então ela também já vai chegar — Helena ouviu Mirella comentando com uma amiga mais ao canto da sala.

— Cadê sua mãe, Helena de Tróia? — Aurora questionou enquanto mastigava um chiclete de morango. Helena não sabia como ela conseguia mascar chiclete às sete da manhã.

— Eu não faço ideia... — respondeu tão confusa quanto o restante dos colegas.

— Ela estava normal hoje mais cedo — Benito comentou dando de ombros e Helena percebeu que vários colegas de sala estavam prestando à atenção na conversa do quinteto que era formado por ela, Benito, Lívia, Aurora e Marcelo.

— Eu acho que ela está resolvendo alguma burocracia — Lívia falou sem levantar os olhos do celular e digitando incansavelmente. Helena poderia apostar que era uma troca de mensagens com Tito.

— Acredito que esteja tudo bem — Marcelo disse sorrindo apaziguador e dando uma piscadinha para Helena que sorriu e encolheu os ombros.

— Ei, ei! — Benito falou dando um tapa no braço do amigo.

Antes que Helena pudesse perguntar o porquê da atitude do irmão, foi interrompida pela entrada da professora na sala de aula.

— Bom dia, queridos! Desculpe o atraso — Ana falou sorrindo alegre. — Mas trago boa companhia.

Nico entrou na sala com um sorriso largo que poderia iluminar metade da cidade de São Mariano.

— Bom dia, alunos — o professor falou com um aceno de cabeça e cruzou os braços.

Helena segurou o riso ao notar que a mãe vestia uma camiseta azul de algodão com o desenho de um pinguim fofinho que tinha sido um presente de aniversário do Nicolas. E o tio Nico vestia uma camisa xadrez cinza que havia ganhado da Ana em um natal.

Era uma amizade bem legal e bonita.

— Nicolas está com a gente hoje só para me ajudar a passar uma tarefa — Ana comentou logo pegando a caneta piloto com a tinta preta para escrever no quadro branco.

"Projeto Interdisciplinar"

Os alunos logo soltaram murmurinhos de desânimo que preencheram a sala com a força do descontentamento.

Os projetos interdisciplinares eram uma ideia dos professores que consistia em, basicamente, juntar em um único trabalho duas matérias diferentes que deveriam conversar entre si em um assunto específico.

Geralmente era um saco para os alunos, porque eram trabalhos grandiosos e os professores esperavam resultados muito bons e positivos.

— Não façam careta — Ana falou brincalhona. — Juro que será divertido!

— Confiem na professora de vocês — Nico reforçou ainda sorrindo.

"A biologia na literatura"

Eram as palavras que Helena lia na lousa.

— A ideia principal do trabalho é que vocês consigam identificar aspectos da biologia na literatura. Para facilitar e deixar mais divertido, está aberto para qualquer literatura, não somente a clássica que aprendemos em aula — Nicolas explicou.

Operação Pinguim | ✓Onde as histórias ganham vida. Descobre agora