29. Felicidade

900 180 34
                                    

Você vai rir, sem perceber

Felicidade é só questão de ser

Quando chover, deixar molhar

Pra receber o sol quando voltar

(Felicidade – Marcelo Jeneci e Laura Lavieri)


LÍVIA

Lívia nunca imaginou que estaria sentada no sofá do sótão com Benito ao seu lado novamente. Tinha até esquecido como era legal ficar lá em cima com os irmãos, só olhando as estrelas através da claraboia.

Era feliz.

Helena estava sentada do seu lado direito e sussurrava alguma música que só ela conhecia. Os três balançavam os pés no ritmo da música desconhecida.

Há uma semana atrás estavam em casa quando receberam a notícia que a mãe "havia sofrido um acidente, mas estava tudo bem".

A cabeça dos três só conseguiu absorver a parte do acidente.

Acidentes nunca acabavam bem na família Becchio. Seu pai morreu por acidente e o mesmo poderia acontecer com a mãe.

Mas estava realmente tudo bem.

Na última semana havia percebido que a mãe sorria mais, estava mais leve e parecia mais viva. A própria Ana Carolina comentou que havia sido um "renascimento espiritual".

No hospital, retiraram todos os pertences da mãe para examiná-la e interná-la. E isso incluía a aliança dourada da sua mão. Há uma semana a mãe estava sem ela. Havia visto a matriarca guardando a aliança na caixinha de joias no guarda-roupa.

Talvez aquilo fosse um sinal de uma nova vida feliz.

A garota encarou Helena que cantarolava e Benito que balançava os pés no ritmo da música com os olhos fechados.

Lívia sorriu e deixou que um suspiro feliz escapasse por entre os lábios.

— Você não ia encontrar com o Tito hoje? — Benito perguntou cutucando-a no braço.

Benito e Tito estavam "de bem". Não que o irmão tenha pedido desculpas por ser um escroto, mas já estava sendo mais sociável. Até deixou Tito jogar videogame com ele e, para Benito, isso era quase um pedido de casamento.

— Mais tarde a gente vai no cinema — respondeu dando de ombros. — E Mirella?

Notou que o irmão revirou os olhos com a menção ao nome da sua ex-namorada. Lívia não tinha ficado exatamente triste com a notícia, mas era óbvio que o término havia ferido os sentimentos dos dois. Era nítido.

Mirella não era mais tão sorridente e Benito tinha picos de mau-humor mais vezes ao dia.

Naquela semana haviam apresentado o Projeto Interdisciplinar e Lívia poderia jurar que nunca tinha visto duas pessoas tão sem sintonia para apresentar um trabalho. Os dois desesperados para sumir da frente um do outro.

Benito por raiva. Mirella por vergonha.

— Não tem o que falar, Lívia. Ela lá e eu aqui — ele resmungou cruzando os braços.

— Mas você queria estar lá do lado dela? — Helena perguntou séria parando de cantarolar.

Não haviam contado para a irmã sobre o motivo da treta e ela também não perguntava. Só ficava preocupada com os corações partidos dos dois jovens naquela equação.

Operação Pinguim | ✓Onde as histórias ganham vida. Descobre agora