Loira oxigenada

13.8K 841 286
                                    

P.V.O Helena

5 meses depois...

Bom, já se passaram 5 meses desde que eu me mudei para Los Angeles, muitas coisas boas aconteceram nesse meio tempo. Eu comprei meu apartamento, não é muito grande mas também não é pequeno. É suficiente para uma pessoa viver. A empresa que eu tinha comprado algumas ações, cresceu muito, e eu acabei me tornando dona. Agora sim eu vou fazer essa empresa crescer mais ainda! Sempre que posso estou conversando com a minha família, mas não é sempre que eu tenho tempo... Agora já são mais ou menos sete horas da noite, estou me arrumando para ir a um cassino com o William. Já tem praticamente 3 meses que ele viajou a trabalho, isso quer dizer que já tem 3 meses que eu não o vejo. Ele chegou ontem de viagem e me chamou para ir no cassino que nós fomos quando eu cheguei aqui em Los Angeles. Já é quarta vez que eu vou nesse cassino.
Eu termino de passar meu creme corporal e meu perfume, agora vou me vestir.

 Eu termino de passar meu creme corporal e meu perfume, agora vou me vestir

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

Coloquei um vestido preto com a alça mais chamativa. Ultimamente eu só tenho usado vestido assim. Meu guarda roupa está preenchido de roupas desse estilo. Eu deixei meus cabelos soltos formando ondas nas pontas. Calcei um salto de brilhante, com alguns diamantes na lateral. Escutei o interfone tocar, deve o ser William. Eu pego minha bolsa e saio do apartamento.
Chegando lá em baixo eu vejo o William encostado em uma Porsche preta. Ao me ver ele solta aquele sorrisinho de canto que só ele tem! Eu vou andando até ele paro na sua frente.

William-Que mulher é essa! Senhor...-ele fala segurando minha mão fazendo eu dar uma voltinha.

Helena-Bobo...-eu falo sentindo minhas bochechas corar. Ele agarra a minha cintura me dá um beijo lento e quente.-vamos ir logo antes que eu tire sua roupa-eu disse e comecei a rir.

William-Helena, Helena... Quando eu te conheci você era bem mais tímida em! Hahahaha-ele disse rindo e entrando no carro. Eu entrei no carro e ele deu partida.
Em alguns minutos já estávamos dentro do cassino. Lá estava eu jogando Poker novamente....

Helena-All-in!-eu apostei e ganhei. Esse jogo já estava até ficando chato, toda vez que eu jogava eu ganhava. O garçom passa do meu lado e me oferece champanhe, eu pego uma taça, me viro para trás onde o William está a me observar. Ele levanta a taça de champanhe em sinal de comprimentos. Ele está com um olhar misterioso, um olhar sexy... Hum... Quero aproveitar bastante hoje, ainda mais que tem três meses que eu não o vejo, eu decido ir até ele.

William-Você adora poker não é mesmo?!-eu dou um sorrisinho de canto para ele.

Helena-Uma boa champanhe também!-eu tomo um gole da minha champanhe. Eu estava entretida na conversa com ele, até que chega uma mulher do nosso lado.

Xxx-William!-ela dá um grito escandaloso. Ela é bem alta, loira, tem olhos verdes, cabelos curtos e ondulados, tem peitos enormes e bunda também. Nada mal... Ela é bonita!

William-Catherine!-o William diz o nome dela a abraçando.

Catherine-Que saudades de você William! Nunca muda né, gato como sempre!-ela está dando em cima dele ou é impressão minha?!

William-Hahaha, você também está linda como sempre!-hey, estou aqui!-deixa eu te apresentar a Catherine, Helena- o William diz olhando para mim. -Catherine essa é a Helena. Helena está é a Catherine-eu comprimento ela com um aperto de mãos. Ela me olha com uma cara nada simpática. Estou tentando ser simpática com ela, mas uma coisa que eu aprendi é a não ser otária! Se ela não for simpática comigo então também não serei com ela.

Catherine-E ela é o que sua William?-ela pergunta com desdém para o William.

William-Uma amiga...-Ah claro, uma amiga que você transa sempre que quer. Tá de sacanagem né?! Não é possível!

Catherine-E você ruivinha, trabalha com o que?-essa garota tá de zuação com a minha cara!

Helena-Pra você é Helena, e sou dona de uma empresa de moda aqui em Los Angeles-eu disse grossa. Já estava sem paciência.

Catherine-Vai deixar ela falar assim comigo William?-MENTIRA! EU TÔ NUMA PEGADINHA, SÓ PODE! O William pegou meu braço e me levou para um canto afastado daquela loira oxigenada.

Helena-Solta meu braço agora!-eu disse brava com ele

William-Por que você está agindo desse jeito Helena?-o William me perguntou.

Helena-Agora sou eu que estou agindo errado?!-eu estou morrendo de raiva.

William-Ela é só uma amiga Helena!-o William já estava começando a ficar bravo também.

Helena-Uma amiga que você transa quando você quer também?-eu perguntei para ele que ficou um pouco sem graça.

William-Vamos voltar para lá, por favor se comporte, não quero brigar com você!-ele disse. Nós voltamos para lá e eu fui dar uma voltinha no cassino enquanto o William ficava conversando com ela. Eu achei o banheiro feminino e entrei lá para dar uma retocada na minha maquiagem. Quando eu menos espero adivinha que entra no banheiro? Isso mesmo! Aquela loira oxigenada.

Catherine-Vou te mandar o papo reto aqui ruivinha, o William gosta de mulher com corpo, não mulher magra como você, e outra ele concerteza não quer você!-

Helena-Não é isso que ele fala quando estamos só a dois!-eu disse retocando meu batom no espelho

Catherine-Olha só ruivinha, ele é de todas entendeu? Ele não foi feito só para ter uma, não é atoa que ele traiu todas as mulheres que ele já teve!-meu deus que mulher impertinente!

Helena-Eu não estou caçando homem igual a você, o William que veio atrás de mim, não eu que fui atrás dele, agora não posso negar que ele é meu passa tempo preferido!-eu falei olhando para ela

Catherine-Não se esqueça que para ele você é só uma comida qualquer que se como a hora que quiser!-ela fala

Helena-E você está falando o que de mim? Você é a mesma coisa que eu! Até parece que você não sabe como é feio cuspir no prato que comeu...-eu disse debochando dela.-aqui pra nós, ele faz tudo que eu mando, isso quer dizer que EU dou as cartas do jogo-eu dei uma piscadela para ela e sai do banheiro com ódio em meu olhos.
Eu passe pelo William que segurou meu braço me forçando a olhar para ele.

William-Helena você vai a onde?-ele me perguntou

Helena-Embora!-eu disse me soltando dele.

William-Deixa que eu te levo!-ele disse com malícia em sua voz. Eu cheguei bem perto do ouvido dele lhe causando alguns arrepios.

Helena-Se é de todas, eu deixo pra elas-eu sussurrei no seu ouvido e dei as costas para ele. Quando ele ia vim atrás de mim eu escuto a loira chamá-lo. Por incrível que pareça, eu não estou triste, nem brava....
Eu chamo um táxi e peço para ele me levar no shopping. Aqui em Los Angeles a maioria dos shoppings funcionam 24 horas. O táxi me deixa no shopping, e lá vou eu fazer compras. Compras se tornou meu hobby nesses 5 meses que eu estive aqui.
Eu comprei dos sapatos mais caros, os vestidos mais caros do shopping e jóias lindas.... Agora estou saindo do shopping e vou voltar para meu apartamento que eu tenho reunião amanhã cedo.

Meu meio irmão(CONCLUÍDA)Onde as histórias ganham vida. Descobre agora