Capítulo 8

21 7 14

  - Você aqui? -disse já sentando ao seu lado. - Não me disse que viria tomar café conosco!

  - Resolvi fazer um surpresa, meu amor. Algum problema? -Rúben disse me encarando.

  - Claro que não.

   Tomamos o café da manhã em silêncio, percebi que olhos vinham em minha direção, tanto de Rúben quanto de Cármen.

Não falei nada, apenas observo.

  Me retirei de suas vistas. Mais logo voltei já pronta para a entrevista.

  - Pronto, podemos ir?

  - Claro, foi um prazer lhe conhecer Cármen!

  - Igualmente!

   Saímos de casa e Rúben fez a rota até onde seria a entrevista, não demora muito e chegamos. Rúben estaciona o carro e descemos.

  - Você está pronta né? -Rúben disse segurando minha mão, que transpira de nervosismo.

  - Tentando -disse e respiro fundo.

    Entramos no local em que aconteceria a entrevista, e em seguida a repórter chega respondemos as perguntas, que foram feitas e tiramos algumas fotos, que serão publicadas na coluna da revista.

   Pronto, agora o mundo sabe de nosso noivado, Hum... o mal já foi feito não tenho como voltar mais atrás.

         2 MESES DEPOIS...

  - Ai. Ai. Aiiiii -disse enquanto Clara passava gel por conta das dores nas pernas, hoje vai ser a grande festa da reinauguração da minha empresa. Fiquei responsável por toda a decoração e acabei com dores nas pernas. - Vai mais devagar Clara.

  - Desculpe... Mais não fui feita para ser massagista não meu bem. -Clara disse e acabo rindo em meia a dor.

   Depois de alguns horas, Clara consegui aliviar minha dor com sua massagem. Aproveitei para ir ao salão, preciso fazer as unhas, arrumar o cabelo, tudo que eu mereço por direito.

   1:30 HORA E MEIA DEPOIS...

   Já estou pronta. Escuto Rúben me chamando lá da sala. Desço as escadas e observo, Clara, Cármen e Rúben todos param de conversar e me olham de cima abaixo.

  - Vamos. -disse a Rúben. Já que sabia que as duas não iriam, estavam ocupadas como sempre.

    Saímos de casa e ao entrar no carro. Rúben começa a me observar.

  - Você está linda! -Rúben disse e abriu um sorriso. Fiquei vermelha, confesso isso é vergonha.

  Seguimos rota até a empresa, onde será a festa de reinauguração. Não falamos nada o silêncio constrangedor permaneceu. Chegamos e já havia vários carros e muitos fotógrafos, seria uma das maiores festas de Nova York, não seria eu que estaria bancando tudo estava falida, Rúben fez questão de arcar com os custos, Não tive outra maneira a não ser aceitar.

   Saio dos meus pensamentos com Rúben dizendo que tenho que entrar no palco, para fazer o primeiro discurso.

  - Boa noite a todos! Agradeço a presença de todos aqui. Estou muito feliz, por poder continuar onde meus pais pararam, desde de já agradeço a presença de todos e aproveitem a festa. -disse e muitos aplausos se iniciam.

   Rúben logo após também fez um discurso, me direciono a uma das mesas e logo me sento, observo cada detalhe e me orgulhei do trabalho duro que tive em organizar cada mínimo detalhe dessa grandiosa festa.

   Saio dos meus devaneios com uma voz me chamando, olho para aquele ser a minha frente.

Cai entre nós, que ser mais lindo.

  - Licença, Rúben está lhe esperando na sala da diretoria. -me levanto e sigo aquele homem que não conheço, deve ser um dos amigos de Rúben.

    Quando chego na sala da diretoria Rúben está conversando com uma mulher que não conheço, quando me vêm mudam de assunto rapidamente.

  - Amor! -Rúben diz e se aproxima, me dando um beijo.

  - Diga? -disse me afastando um pouco dele.

  - Vou precisar ir resolver uns assuntos da minha empresa, e queria saber se você vai vim comigo ou vai ficar na festa.
 
  - Não estou para resolver nada, vou ficar só mais um pouco e logo depois vou embora. -disse e Rúben faz uma cara de desentendido.

  - Sozinha? -Rúben disse me encarando.

  Noivos oficialmente?😷
  Grande festa 😎
  Quero saber o que estão pensando...
  Indiquem aos amigos😙
  Votem e comentem! Tchau, até o próximo capítulo 💕

Buscando A Felicidade - Trilogia Felicidade - |Leia esta história GRATUITAMENTE!