8.2 || INSTAGRAM

177 9 0

MANU P.O.V

Fazem quatro dias, quatro dias que ela teve aquele pesadelo, e quatro dias que ela não sai daquele quarto que ela não come nada, não fala nada comigo, quatro dias que bato naquela porta mil vezes pedindo pra ela me deixar entrar e ela nem ao menos me responde.

-Angel por favor, pelo menos me responde, me diz que tá bem... Por favor!- praticamente implorei e se ela não respondesse eu ia ter que derrubar aquela porta.

-Só quero ficar sozinha!- ela disse alto o bastante pra que eu a ouvisse.

-Abre aqui, por favor, vou te ajudar!- eu disse e como em todas as vezes não ouvi nada em resposta,apenas o silêncio.

Estou preocupada, ela precisa comer, deve ter passado esse tempo todo dormindo e chorando, pelo sua voz ela ainda chorava.

Ela quebrou muitas coisas naquela quarto nesses últimos dias, ouvi inúmeras coisas serem jogadas todos os dias, mas não a julgo, sei como deve ser difícil.

Ela não ia abrir a porta pra mim mas eu sei pra quem ela abriria...

INSTAGRAM - JBLeia esta história GRATUITAMENTE!