Sangria necessária

11 1 0

 Minha palavras te ferem, descarrego um ódio desnecessário e me vejo descartável, e talvez eu seja. Não sei o que dizer, como te confortar, como fazê-la se sentir mulher, e assim vou sangrando aos poucos, no final morrerei de hemorragia, não creio que seja bom sangria, e espero que tudo isso acabe e que cicatrize tudo que eu mesmo fiz. Não, não sou suficiente e nunca serei, talvez eu não deveria ter começado, talvez eu seja o seu mal, nunca fui bom de amar, e porque quis me arriscar? Logo logo tudo isso acabará machucando dois corações inocentes, dois jovens com muito pela frente, sonhei em te fazer feliz mas me enganei, posso estar fazendo exatamente o contrário... Tiro um tempo para pensar sobre tudo e como sempre tenho uma recaída, pois percebo o quanto sou uma decepção para todos que amo, que apenas acabo ferindo e machucando quem me ama. O amor me salvou, mas talvez ele tenha sacrificado demais por mim...

Prosas poéticasWhere stories live. Discover now