Capítulo 37

8.2K 907 1K

I'M SO GAY PASSIVE AGGRESSIVE

Os dois adolescentes se sentaram no chão do chuveiro pelo que pareceu uma eternidade.  A água misturada com suas lágrimas, enquanto seus corpos se balançavam em uma mistura de gritos e resmungos devido à água gelada.

Nenhuma palavra fora dita entre eles, enquanto seguravam um ao outro como se suas vidas dependessem disso.

Louis não tinha certeza de quanto tempo ele estava ali, até que finalmente decidiu falar.

“Harry?”
O menino de cabelos encaracolados mexeu um pouco a cabeça, deixando claro para Louis que estava ouvindo.

“Eu vou desligar a água agora. Tudo bem?”

Harry acenou com a cabeça contra o pescoço de Louis, afrouxando o aperto, de modo que o outro rapaz fosse capaz de erguer o corpo e alcançar o registro de água.

“Que tal vestir algumas roupas secas e se aquecer?”

“Tudo bem”, Harry sussurrou.

Ele soltou a camisa encharcada de Louis completamente desta vez, deixando o outro rapaz levantar. Uma vez que Louis estava de pé, ele estendeu as mãos para baixo para que Harry as tomasse e o puxou para cima. Ele saiu da banheira e pegou uma toalha felpuda e colocou sobre os ombros de Harry.

“Vamos para o seu quarto,” Louis sugeriu. Harry apenas balançou a cabeça, deixando Louis ajudá-lo a sair do chuveiro.

Ele manteve a cabeça baixa quando saiu do banheiro, não querendo ver os rostos preocupados de Niall ou sua mãe se estivessem por perto.

Quando eles chegaram em segurança no quarto de Harry, Louis fechou a porta e acendeu a luz. Ele olhou para Harry e percebeu que ele estava tremendo.

“Levante os braços”, ele instruiu. Harry fez o que ele disse e ergueu os braços acima de sua cabeça, para que Louis pudesse retirar sua camiseta molhada. “Tire os jeans molhados e eu vou encontrar alguma coisa seca para vestir.”

Harry desabotoou e abriu o zíper da calça e puxou para baixo. Arrepios percorrendo sua pele nua e ele cruzou os braços na tentativa de aquecer-se.

Louis estava vasculhando a gaveta da cômoda, quando tirou uma t-shirt com um grande sorriso. “Olha o que eu encontrei.”

Ele acenou com uma camisa do Mickey Mouse em mãos, sorrindo pelas memórias que ela trazia. Era a camisa que Harry emprestou para Louis a primeira vez que ele ficou com eles. Ela tinha feito os dois compartilharem algumas risadas, Harry alegando que era sua camisa favorita. Tinha alegrado Louis no momento, e Harry tinha dito que era uma camisa mágica, sempre fazendo alguém sorrir.

Os lábios de Harry se contorceram um pouco quando ele estendeu a mão para pegar a camisa.

“Eu não sei, Curly, eu acho que vou ficar com ela”, Louis brincou, na esperança de fazer o outro rapaz sorrir.

E deu certo.

Os olhos de Harry se iluminaram do estado maçante em que estavam, e suas covinhas surgiram quando seus lábios se curvaram em um sorriso.

“Você vai roubar a minha camisa favorita?” Harry perguntou.

“Eu não chamaria isso de roubar”, declarou Louis.

“Não?”

“Não”, disse Louis com uma risada. “Mas eu acho que posso deixá-lo usar sua camisa favorita só desta vez.”

Harry colocou a mão sobre seu coração. “Estou comovido, Lou.”

Louis caminhou até o garoto mais alto com a camisa.

More Than Meets The EyeWhere stories live. Discover now