Explicações sobre esse Universo ABO

644 57 15
                                    


Oi gente \o

Não, não é capítulo novo de YANA, mas não xinguem ou corram. Isso aqui é necessário.

Esse é um capítulo puramente explicativo do Universo que YANA faz parte e sinceramente, apesar de inicialmente eu ter achado que dava para ir explicando conforme as coisas fossem acontecendo - e assim só explicando o necessário e não confundindo ninguém ou interrompendo a leitura da história em si, percebi que cometi um erro <3. Acontece. Perdoem a tia \o\. Isso aqui vai ajudar vocês a contextualizar melhor a realidade dos personagens.

Quem lê Destinados – incluindo os capítulos especiais – meio que pode pular – com exceção da última parte, desçam a maior parte do texto e leiam o final das explicações sobre vínculos - onde eu explico o vínculo com bebês e gêmeos, algo que não fiz por lá. Mas quem conhece apenas YANA, eu sugiro de coração que leia o capítulo inteiro, pois há detalhes aqui que ajudam a entender alguns personagens.

Primeiro, gostaria de explicar um pouco como funcionou a evolução dentro desse universo ABO (mas, pra que isso Mika? Pra vocês entenderem algumas terminologias depois amores <3 ).

Nesse universo havia uma raça inicial, as Quimeras. Elas eram fodas <3.

Só que por uma questão evolutiva, elas se dividiram em outras duas raças e se extinguiram.

Os Deltas – uma raça andrógina que possuía ambos os sexos e eram plenamente funcionais.

E os Gamas – uma raça que se dividiu entre os sexos homem e mulher.

Os Deltas e os Gamas se misturaram, criando os Alphas, Betas e Ômegas.

Tá, e daí? Você questiona...

Pois bem, atualmente, os Deltas já estão praticamente extintos e existem muito poucas pessoas que nascem andróginas plenamente funcionais.

Contudo, rola uma identificação psicológica e física. E é isso que vou explicar.

Gênero, dentro desse universo, se refere única e exclusivamente a "alpha, ômega e beta". Ou seja, se alguém questionasse dentro desse universo "Qual é o seu gênero?", ele estaria se referindo a especificamente isso "Você é alpha, beta ou ômega?", entendem?

E o sexo biológico? Como fica? Fica "sexo" mesmo.

"Qual é o seu sexo?" tá questionando se a pessoa é biologicamente homem ou mulher.

Então, surge um detalhe importante – e que eu peço que considerem APENAS para este universo, que é diferente do nosso...

"Transexuais", nesse universo, são pessoas que não se identificam com o "sexo" de nascença. Ou seja, são pessoas que querem ser, biologicamente, do sexo oposto. E para se identificar como transexual você tem que querer fazer a cirurgia de transgenitalização ou já ter feito ela.

Isso é padrão neles, ninguém vai dizer "eu sou transexual", sem querer fazer a cirurgia, isso não acontece NESSE universo ABO (lembrando, é diferente do nosso, ok? É um universo diferente).

"Transgêneros", nesse universo, são pessoas que não se identificam com o "gênero" de nascença. Ou seja, são pessoas que nascem dentro de um gênero "alpha, beta, ômega", mas não se sentem pertencentes a ele.

Não há formas de você "mudar" de gênero nesse Universo (ou adequar o gênero que sente ao seu físico/habilidades). Ou seja, se você nasceu ômega, não há como você mudar – de alguma forma – para alpha.

Pessoas que nascem dentro de um gênero, mas às vezes, se sentem de outro, também são consideradas transgêneros.

Tá Mika, mas e as pessoas que nascem do sexo masculino, por exemplo, e querem colocar seios, contudo não querem fazer a cirurgia? Elas não existem?

You Are Not AloneOnde as histórias ganham vida. Descobre agora