Capitulo 64

1.8K 224 9

Nanda

Acordei a cara da ressaca que festa meus queridos que festa mas final de semana tá indo embora e amanhã a rotina já volta ao normal.

Fui pro banheiro tomei um banho geladinho coloquei um biquíni peguei uma bermudinha vesti ficando apenas com a parte de cima.

Fiz um coque o cabelo passei perfumei escovei os dentes e sai do quarto o bonito tava morto.

Nanda: bom dia - entrei na cozinha

Ruth: bom dia minha filha

Celia: bom dia nanda

Nanda: Cade o povo?

Celia: tudo morto ainda so a Ellen que ta ali fora com a Valentina - assenti e fui até elas

Nanda: bom dia Cunha - sorri – bom dia amor da tia - peguei ela enchendo de beijos

Ellen: bom dia - sorriu – nossa to só a ressaca olha que nem bebi muito Lucas e insuportável- bufou

Nanda: iiih Eu bebi mesmo se o outro reclamar eu bebo o dobro - ri – daqui a pouco já vou começar os esquentas

Ellen: eu vou embora daqui a pouco amanhã Valentina tem pediatra marcado to so esperando o Lucas acordar pra nós ir.

Nanda: po que vacilo dava pra passar o dia com agente aqui

{....}

Povo foi acordar já na hora do almoço tinha sobrado bastante coisa ainda colocamos as carne pra assar eu já tava bebendo meu bom wisky e tava suave.

Ellen e Lucas arrumou uma brigaiada pq ele disse que não ia hoje que ela tava de graça podia muito bem remarcar o médico a menina não tem nada e só rotina mesmo mais ela queria assunto pra ir embora.

Arrumou pq foi embora sozinha não queria ficar por nada e ele não foi com ela também na relação deles da pra ninguém se meter não.

Alana: aaaai queria agradecer vocês pela festa eu amei tudo - sorriu e me abraçou e depois o pai dela – eu amo muito vocês

Nanda: te amo muito meu amor - sorri

2n: você merece minha princesa pai te ama - alisou a cabeça dela

Lc: gostou até demais né Alana - encarou ela serin nem entendi

Alana: an... e... Eu amei tudo tio - dei uma gaguejada

Yara: vamos pra piscina lana - puxou ela é saíram

Fiquei só catando as coisas têm caroço aí e essa menina vai me falar o que é

2n: colfoi mlk ta olhando oq? - encarei o neném

Cl: que foi 2n? To olhando nada não po tá maluco - negou rindo

2n: maluco tá ficando tu po olhando aí pra minha filha - prendi o riso – coe Fernanda rir não po vai mandar alana por um short cheio de homem aqui

Nanda: iiiih erick começa não meu Deus - revirei os olhos

Carla: deixa a menina o que é bonito e pra amostrar ue - deu um gole na bebida dela

2n: Eeh e fala pra esse seu irmão aí que eu vou amostrar pra ele já já o caminho só cemitério- ninguém aguentou e começou a rir oq deixou ele mais puto

Vt: graças a Deus fui abençoado com um pinto pq mulher e só dor de cabeça meu parceiro

Lc: Fernanda que o diga né - negou – sempre aloprou desde nova

2n: meu parceiro minha filha e minha vida, não é assim não vagabundo vai passar mal na minha mão

Ficou maior discussão pq os mlk estavam pilhando ele é o bobo ia na onda ficamos chapando até à noite.

Povo foi tudo embora só ficou eu, Alana, o pai, o Lucas, neném, Karine, vt e o baby, estava tendo blitz na pista aí vamos na madrugada.

Nanda: filha? - entrei no quarto e ela sentou na cama – aconteceu alguma coisa ontem que eu não sei?

Alana: não mãe, pq? - me olhando

Nanda: tem certeza? Eu vi o jeito que sei tio falou hj ele viu algo que eu sei - ri – pode me falar esqueceu que sou sua amiga tmb? - sentei de frente pra ela

Alana: aaah e que... e que Eu acabei ficando com o Carlos - deitou cobrindo a cara

Nanda: ALANA sua safada - puxei a coberta – me conta isso direito - rindo

Alana: aaah mãe so foi um beijo meu tio chegou na hora me gritando - riu

Nanda: ele beija bem? Carlos e bonita filha e já conhecemos eu super apoio vocês dois - ri

Alana: manheeeee so foi um beijo mãe UM - bufou – para que não vai ter nada - fora que tem meu pai me - negou

Nanda: eeeh muito bem pensado seu pai e um problemão - neguei – mais agora falando sério você se previne em Alana - falei seria

Alana: MÃE - bufou

Nanda: nada de mãe não, fazer sexo e muito bom só que tem que previnir eu não quero que você seja mãe nova como eu fui - sorri – vc e tudo pra mim e foi por você que eu fiz de tudo pra estarmos aqui hj, eu sofri muito só que hj sou feliz por nossa família está unida eu quero que vc aproveite muito sua juventude, termine seus estudos seja alguém na vida não quero vc com o futuro que eu escolhi pra mim... então você se cuida muito não precisa ter vergonha de chegar em mim e falar essas coisas quando você começar a transar me fala que eu te levo no médico - sorri de lado

Alana: tá bom mãe pode deixar - me abraçou – eu te amo muito muito eu não quero ser mãe cedo fica tranquila eu vou me cuidar quando eu me sentir preparada pra começar a fazer essas coisas - rimos

Ficamos um tempo conversando depois deixei ela ir dormir vamos de madrugada e amanhã ela tem aula cedo.

2n: TAva quase indo lá te pegar pelo cabelo - falou assim que entrei

Nanda: que saudades e essa amore - ri

2n: Fiquei 5 anos longe de vc mandada quero desgrudar não po - ri

Nanda: mudando de assunto fiquei sabendo do que aconteceu com a Luiza vc tem algo haver com isso? - encarei ele

2n: o que aconteceu com ela? Fiquei sabendo não po - muito sonso

Nanda: aí erick para de ser sonso vc sabe do que estou falando - revirei os olhos – tu matou ela né - ele negou

2n: Tava nem sabendo maluca bom que me pouparam né - riu de lado – borá deixar isso pra lá po bglh e nos aqui borá fazer um amorzinho - mordeu meu beiço

Erick e sujo vai morrer negando tu pode provar ele vai falar na sua cara que não fez vou ficar nessa pra que? Se ele falou que não matou ele não matou.

Deixei rápido o assunto de lado e fomos pro combate ele gosta e eu gosto o dobro na cama nos se entende legal.

O preço dessa vida (M)Leia esta história GRATUITAMENTE!