4

1.1K 237 153

Seis meses antes

Oops! This image does not follow our content guidelines. To continue publishing, please remove it or upload a different image.

Seis meses antes


O cheiro de vômito fora o que despertara Mark Schmidt inicialmente. A dor de cabeça lancinante terminara o serviço. A campainha insistente na porta era apenas secundária.

— Merda — murmurou, deslizando o rosto da tampa da privada para o chão do banheiro.

O celular, que repousava sobre os azulejos xadrez, estava com a tela rachada. Não lembrava de tê-lo quebrado.

Respirou fundo e se levantou, apoiando-se nas laterais do cubículo. Essa devia ter sido umas das resoluções: parar de ir ao bar com seu pai. Nunca, nunca terminava bem.

Caminhou cambaleante pelo corredor estreito até a entrada do apartamento. O estômago ainda estava sensível. Abriu a porta, sem verificar quem era.

— Pacote para o Sr. Mark Schmidt.

Esfregou os olhos, lutando para desanuviar a visão.

— Sou eu.

— Assine aqui, por favor.

Após fechar a porta, virou o envelope volumoso em suas mãos e verificou que possuía um timbre.

Após fechar a porta, virou o envelope volumoso em suas mãos e verificou que possuía um timbre

Oops! This image does not follow our content guidelines. To continue publishing, please remove it or upload a different image.

Casamento Sob Medida Inc.

Felizes para sempre. Nossa garantia.

— Merda — murmurou novamente, não por vontade, mas porque sentiu que devia falar algo e seu cérebro aparentemente não conseguira achar mais nada além do eco da última palavra pronunciada. Rasgou o envelope e deslizou o conteúdo por cima da mesa da sala. Um calhamaço de folhas e um aparelho embrulhado em plástico bolha.

A primeira folha da pilha era uma carta e dizia:

A primeira folha da pilha era uma carta e dizia:

Oops! This image does not follow our content guidelines. To continue publishing, please remove it or upload a different image.
Esposa sob medida (conto / versão antiga)Leia esta história GRATUITAMENTE!