Capítulo 23 - Sob Pressão

769 93 207

Oie, genteee! Eu vi que tem algumas pessoas me questionando sobre as postagens de capítulo e eu venho informar que estou postando uma vez por semana, pois além da falta de tempo, também tem a falta de animação. Esses dias os bloqueios estão cada vez mais presentes e isso prejudicou minha escrita, mas eu não vou desistir, então fiquem tranquilos.

Vocês também parecem meio desanimados, eu percebi. Vamos mudar isso aí! Haha O capítulo de hoje não é na visão da Hay porque eu preciso mostrar o universo de OMDA como um todo. No entanto tem revelação e eu espero que vocês gostem!

Além disso quero panfletar o grupo no Whats e a comunidade de OMDA no Amino que estão de portas abertas para vocês. Vamos interagir! Qualquer informação é só me mandar mensagem, aguardo vocês !!

Tenham uma boa leitura!

~**~

Ágatha

A carruagem parou no portão do castelo como de costume. A noite havia chegado, mas o calor ainda era evidente, ainda mais considerando o vestido que eu usava. Com impulso me levantei do banco no minuto em que a porta foi aberta. Respirei fundo enquanto descia o degrau para o chão com a ajuda do guarda, o céu estava bem estrelado e muito bonito como eu não via a muito tempo... Ou talvez eu não estivesse prestando tanta atenção nele quanto antes e não notava mais sua beleza. Agradeci ao guarda e comecei a andar.

O dia tinha sido um massacre, sim, essa era a palavra. Tinha ido até a vila resolver os problemas de sempre, o Conselho também estava lá. Além de passar um dia inteiro aturando Richard e seu olhar venenoso, ainda soube que as investigações sobre Nirlas estavam paradas por falta de informações. O suposto ajudante do ex-conselheiro de Chidiyon era uma incógnita, um fantasma que parecia ter sido sugado pelo vento. O povo não gostou de saber do fracasso do Conselho na investigação, eu sabia que estavam com medo, ainda mais ao saber que Hailey encontrava-se fora do reino. Eu também sentia que minhas desculpas falsas sobre sua ausência começava a fazê-los desconfiar... Quem iria acreditar que a cada dia, a menina visitava um reino vizinho diferente? Eu não sabia bem o que deveria fazer.

Caminhei em direção à porta do castelo quando algo chamou minha atenção na lateral da escadaria principal.

- Valerie, você me assustou! – Exclamei ao reconhecer a sombra enrolada no canto. A menina não se moveu. – Valerie? – Ela me olhou como se tivesse despertado de algum lugar distante.

- Ágatha... você já está de volta? Voltou cedo hoje.

- Cedo? – Franzi o rosto – Você sabe que horas têm? Já é bem tarde. – Seu olhar me deixou claro que estava ainda mais surpresa.

- Então acho que fiquei aqui tempo demais. Devo ter me distraído. – Ela puxou os joelhos para cima e os abraçou sem dar qualquer sinal de que iria se levantar para entrar.

- Distraída? Você deve estar aí a horas, aconteceu alguma coisa?

Ela desviou o olhar para o horizonte e abriu um pequeno sorriso de lado. Observei seus joelhos encolhidos, ela parecia triste e melancólica de uma forma que nunca havia visto antes.

O Mistério de Allíshya - Perdida | Livro 03Leia esta história GRATUITAMENTE!