⚠ Eighty ⚠

11.2K 1.3K 498

DEEM AMOR A OBRA! 😘

Boa Leitura! ❤

“Amor de Família é a coisa mais inexplicável do mundo, nem um pai consegue dizer para um filho o quanto o ama, nem o filho sabe dizer ao pai, então eles simplesmente demonstram.”

Jungkook P.O.V's

     É exatamente como todos diziam, noites de sono quase escassas, duas crianças chorando na cabeça, mas ao contrário aquilo não me estressou. Para dizer a verdade estou bem preocupado com Jimin, nossos pequenos são incrivelmente saudáveis, seguem a alimentação em horários normais, de três em três horas como a médica recomendou, e dormem como dois anjinhos. O problema é que meu ômega não descansa, o pouco tempo que dorme, não é o suficiente e sua saúde acaba ficando em risco. A senhora que nos ajuda, somando forças com minha mãe e até mesmo Yoongi, ajudam como podem, com refeições nutritivas e até mesmo tarefas simples.

     O relógio marcando pouco mais de duas da manhã, ouvi um barulho meio suspeito na babá eletrônica, e antes que meu ômega acordasse, segui até o quarto dos mais novos. Precisava deixa-lo dormir ao menos um pouco, quase duas semanas observando os outros o ajudarem, não deve ser tão complicado dar mamadeira e manter os baixinhos em silencio por algumas horas. JungHyun dormia tranquilamente, fazendo jus ao seu status, uma pequeno ômega adorável e preguiçoso, dorme o dia todo se deixar, já Sooyoung não nega a personalidade de alfa, é a que chora mais alto, principalmente quando está com fome.

     E adivinha qual deles ameaçava chorar? Isso mesmo, nossa princesinha nervosa. Tratei de alimentá-la primeiro, depois troquei a fralda e tive que balançá-la um pouco, até pegar no sono. A coloquei de volta no berço, e fui cuidar do outro pequeno, fiz o mesmo procedimento, mas ele não consegui voltar a dormir. Então o peguei no colo, e me sentei na poltrona que havia ali, balançando o mesmo levemente, enquanto cantava uma música de ninar em um tom baixo. O quarto iluminado apenas pelo abajur, mas o suficiente para ver seu rostinho, a forma delicada me lembra muito Jimin, tive que segurar a emoção vendo algo tão frágil, saber que contribui para aquelas duas vidas.

     -Você tem que dormir, campeão. Jiminnie appa precisa descansar também. -Falei contornando seu rostinho com a ponta dos dedos. -Por que tão lindo? -Meu coração disparou sou ver um pequeno sorriso em seus lábios. -Vai me dar trabalho quando ficar mais velho, principalmente se for língua afiada igual aquele bolinho fofo.

     -O que disse, Jungkookie! -Me assustei com Jimin parado na porta. Droga! Tanto esforço para nada. -Por que não me chamou?

     -Você precisa dormir, meu anjo! Eu já dei mamadeira e troquei os dois. -O mais novo finalmente dormiu, então pude colocá-lo no berço. -Não devia ficar andando, ainda tem os pontos da cirurgia.

     -Estou bem. Apenas me levantei porque não te vi na cama. -Jimin disse de forma manhosa, deve ter procurado meu corpo por conta do frio.

     -Ah, bebê! Vem aqui, vem! -O chamei com as mãos, voltando a me sentar na poltrona, e o acolhendo como se fosse um dos mais novos. -Eu sei o quanto está cansado, só quis ajudar.

     -Eu sei. -O ômega se ajeitou melhor em meu corpo. -Sobre o que conversavam?

     -Conversa de pai e filho, não precisa saber. -Ele riu da forma que falei, me chamando de idiota enquanto deixava um beijo em meu pescoço.

     Sua cabeça apoiada em meu ombro direito, a respiração batendo contra apele ali exposta, meus braços envolta de seu corpo, enquanto sua pele parecia buscar o meu calor. Five certo receio de abraça-lo, Jimin era para estar de repouso, ainda está com os pontos da cirurgia e meu medo é que inflame, mesmo minha mãe checando todos os dias e dizendo estar tudo bem. É fato, tenho certo receio de hospitais, e prefiro prejudicar somente se for necessário. Quando meu ômega adormeceu, o levei novamente pelo quarto, deitando seu corpo sobre o colchão e cobrindo com o edredom.

Sweet Poison ⚠ Jikook ABO ⚠Leia esta história GRATUITAMENTE!