Capítulo 19

8.6K 1K 2.2K

 “O que vamos fazer quando chegar lá?” Niall perguntou, enquanto eles seguiam as instruções para casa de Louis pelo GPS.

“Vamos encontrar Louis e levá-lo para casa,” Harry respondeu.

“Bem, obviamente, mas se seu pai for tão ruim quanto eu estou imaginando, pode não ser tão fácil.”

Harry deixou escapar um gemido frustrado. “Eu não me importo, sendo fácil ou não, vamos tirá-lo de lá, não me importa como. Entendeu?”

Niall assentiu rápido com a cabeça e levantou as mãos em um sinal de rendição. “Certo, certo. Eu só acho que precisamos tomar cuidado, tudo que eu não quero é te ver machucado.”

“Se me machucar for preciso para salvar Louis, eu vou me machucar com prazer.”

Niall apenas suspirou e olhou pela janela, observando as arvores que passavam. Era claro para qualquer um que tivesse olhos e ouvidos, que Harry estava incrivelmente preocupado com o menino desaparecido. Niall estava feliz por Harry ter finalmente encontrado alguém especial, ele só queria que fosse em melhores circunstâncias. Ninguém, em especial um casal de adolescente, deveria ter que lidar com isso.

“Porra, essa casa é enorme!” comentou Niall em reverência.

Harry balançou a cabeça.

Louis mora aqui?

Quando os dois adolescentes subiram na calçada, Niall voltou-se para seu amigo. “O plano é o seguinte... se ele tentar alguma coisa, eu vou socá-lo na cara e corremos como o inferno.”

Harry não era capaz de dizer se Niall estava ou não brincando.

Uma vez que subiram as escadas de mármore que levava a porta, Niall engoliu seco e tocou a campainha.

 Isto é, quando nós encontramos o monstro.

A porta da frente se abriu um pouco, revelando um homem magro de meia idade e altura. Ele estava vestido com um terno aparentemente caríssimo. Ele usava sapatos que pareciam ter sido lustrados recentemente. Os olhos de Harry viajaram para o rosto do homem, que tinha uma expressão dura; seus olhos escuros e cheios de ódio.

Harry sentiu-se estremecer quando ele olhou nos olhos de quem era possivelmente o pai de Louis. “Sr. Tomlinson?”

“Sim?” Ele perguntou, estreitando os olhos para o garoto de cabelos encaracolados e o loiro. “Quem quer saber?”

Harry respirou fundo para acalmar os nervos. “Meu nome é Harry e este é Niall.”

O homem zombou. “Você está falando sério? Eu não me importo com quem você é, criança, eu quero saber por que você está em pé na minha varanda.”

Harry engoliu o nó que estava se formando em sua garganta e estreitou os olhos.

“Onde está o Louis?”

Niall sacudiu a cabeça e levantou as sobrancelhas para Harry.

Uau, isso foi sutil.

O homem também pareceu surpreso. “Olha filho, eu vou ter que pedir para que você e seu amigo se retirem da minha propriedade.”

“Eu não vou a lugar nenhum até falar com Louis.” Harry declarou, dando um passo mais perto da porta.

O homem deixou seus olhos vaguearem sobre o menino de cabelos enrolados, da sua cabeça até os dedos dos pés. Harry sentiu-se estremecer quando sentiu os olhos escuros percorrer pelo seu corpo. Ele se mexeu desconfortável diante dos olhos do homem que agora lhe dava um olhar de desaprovação.

More Than Meets The EyeWhere stories live. Discover now