capítulo 2

564 50 4

  Pov Rico:
  Eu acabei de assinar os papéis de divórcio oque parece é que a vadia da Pâmela me traía e ainda por cima roubou várias quantias de dinheiro junto  com seu amante durante cinco anos foi fácil para ela já que lucios além de meu sócio era meu melhor amigo é que amigo, felizmente eu descobri antes que acontecesse alguma coisa pior por que isso poderia levar minha empresa a falência, mais agora está tudo bem deixei aqueles dois na rua da amargura  de mim eles não terão mais nada ainda não acredito que fui tão cego em acredita em Pâmela todos esses anos em que ela era a mulher perfeita por ter uma condição social estável e por sua educação ela seria uma imagem perfeita pra posar ao meu lado com a mulher do presidente das empresas. 
   Felizmente isso acabou agora vou ter que voltar a Espanha pois meu pai e minha mãe sofreram um acidente de carro felizmente minha mãe sobreviveu mais estar de cama por isso voltarei e cuidarei dela agora meu pai infelizmente não sobreviveu eu me arrependo de não tê-lo ir até a Espanha vê-los  por cinco anos mais eu não poderia correr risco de encontrar Helena pois depois que eu disse pra ela naquele dia que eu viria pra Itália eu não ouvir mais notícias dela eu não poderia perguntar minha mãe pois ela poderia desconfiar do meu involvimento com ela as vezes eu penso em como ela deve estar será que se casou ou tem filhos ,só de pensar em outros homens a tocando meu sangue ferve pois eu fui o seu primeiro e por minha burrice eu a dispensei como uma vadia da minha vida depois de ter a usado dando esperanças de um relacionamento que não poderíamos ter pois ela era pobre e ainda menor de idade mais não me arrependo de ter me envolvido com ela pois passei minhas melhores lembranças com ela .até hoje me lembro da nossa primeira vez .
   (Flashback on)
Eu combinei  com ela de me encontra no celeiro a meia noite ,assim que cheguei lá a observei deitada no monte de feno que estava coberto por uma manta fui até ela e a puxei pela cintura e a beijei com paixão ,E me deitei calmamente com ela sobre o feno e beijei e seu pescoço e levei minha mão ao seu seio .
"Rico "diz trêmula.
"Oque foi querida "pergunto lambendo seu pescoço até o Vale entre seus seios  .e a ouço suspirar .
"Eu nunca fiz isso "diz com o rosto bastante vermelho desviado os olhos dos meus.
"Eu sei querida mais não precisar de precupa vamos devagar" Digo e a beijo assim que estamos completamente nus observo o seu belo corpo sobre a luz do luar .
(Flashback off)
Naquela noite foi a nossa primeira vez e também a última pois na manhã seguinte eu voltei parra Itália a deixando sozinha e magoada .
  

O caminho de volta para o amor Leia esta história GRATUITAMENTE!