Capítulo 91

202K 15.6K 13.6K
                                                  

📢❤Demorei, demorei, mas cheguei... Especial 4 Milhões de visualizações❤📢

  Perdão amor se levei tempo demais 

Deixei uma porção de coisas pra trás 

Errei em só olhar pra mim 

Meu bem nunca te vi assim...

- Sorriso Maroto. 

🌻 

Por Brandon

- Ela nem me deixou explicar!- digo exasperado.

Me jogo na cama do quarto que me hospedei, Ron e Nathan estão em pé me olhando com caras de quem já esperavam por isso.

- Não sei o que você esperava cara, é a Emma.- diz Ron sério- Você a machucou demais e ela é orgulhosa e decidida demais para aceitar o seu perdão facilmente.- suspiro pesadamente.

- Eu nem tive a oportunidade de falar sobre a carta.- digo emburrado.

- Porque você é lerdo.- agora é a vez de Nathan acabar comigo- Você poderia ter falado antes mesmo do eu te amo.- ele ri.

- A Bianca escondeu a carta todos esses meses Emma e por sinal, eu te amo.- Ron diz tentando imitar minha voz (provavelmente).

Quando cheguei em NY, descobri que Emma não tinha chegado de Portland ainda. Conversei com Ron por mensagem e expliquei tudo, ele me contou que ela estava totalmente por fora das redes sociais por ter esquecido o celular.

Então aproveitei que ela não sabia sobre a matéria que tem o vídeo e sobre a matéria que eu estava em NY. Sim, saiu na internet fotos minhas no aeroporto de Londres e de NY.

Ruan Anthony é tão especial para a população, que todos que nos encontram na rua, o avisa rapidamente.

Chega ser assustador a rapidez deles!

- Eu disse que não iria desistir dela.- digo aos meus amigos.

- Então não desiste cara, faz alguma coisa.- dia Nathan e olho para ele sem expectativa.

- O que eu poderia fazer para ela começar a entender que preciso dela e do seu perdão?- pergunto e eles se olham pensativos.

 -Diz ai, a irmã é sua.- Nathan diz para Ron que suspira desolado.

- Só porque ela é minha irmã não quer dizer que eu a conheça.- ele se senta ao lado extremo do quarto- Desde a adolescência comecei a ter dificuldade em entende-la em certos aspectos.- ele dá de ombros- Eu sou um pouco quieto, ela já muito expansiva, eu gosto de conversar e deixar tudo as claras, já ela prefere correr do que se abrir e contar o que sente.

- E ela correu.- digo chateado.

- Até uns meses atrás eu estava totalmente no escuro em relação a minha irmã, ela não se abria mais comigo.- vejo seu semblante magoado- Não sei como ajuda-lo a conquista-la, me desculpe.- ele diz olhando para mim e assinto desolado.

- Ela te contou o que aconteceu?- pergunto curioso e ele assente- Que bom, você precisava saber.- sorrio fraco para ele que retribui.

- O que aconteceu?- Nathan pergunta curioso.

- Nada.- eu e Ron dizemos juntos e Nathan dá de ombros sem se importar por não saber.

Penso um pouco na Emma e no dia que cheguei aqui, vi aquele amigo colombiano dela e senti ciúmes de imediato. Mas pelo visto eles não passam de bons amigos, já que o cara foi um dos que mais apoiaram eu estar aqui.

Amores Londrinos (1) - A Garota Do Quarto Ao Lado (Concluído)Onde as histórias ganham vida. Descobre agora