Namoro escondido

1.4K 103 14

~Jughead Jones

- Então é melhor irmos para a minha casa?- Pergunto me virando para Betty.
- É a única opção no momento.- Ela da uma leve risada.
Dirijo até a minha casa, onde provavelmente o meu pai não estaria lá. Chegamos, eu estaciono o carro na frente de casa, depois eu e Betty entramos e ficamos nos olhando por algum tempo.
- O que você quer fazer?- Pergunto para Betty.
- Tem filmes?- Betty da um sorriso aberto olhando para mim.
- Tem...- Pego a mão de Betty e a puxo até meu quarto, onde tinha uma pequena estante com vários filmes.
- Uau.- Betty falou pegando um bolo de filmes na mão.
Dou uma risada de leve e ajudo Betty a escolher algum filme. Dei para ela, uma camiseta minha, ela vestiu e depois a gente foi para a sala assistir o filme que tínhamos escolhido.
A gente estava deitados e abraçados no sofá assistindo aquele filme de guerra que eu estava entendendo pouca coisa.
- Está entendendo tudo?- Pergunto olhando para Betty que estava de costas para mim.
- Estou, você não?- Ela ainda estava de costas para mim.
- Mais ou menos.- Respondo sorrindo de lado.
- Ele é apenas um cara que se alistou no exército e não quer matar pessoas, ele quer ajudá-las como um médico. Ele não quer pegar em nenhuma arma, diferente dos outros soldados que só pensam em matar os inimigos.- Betty fala virando nos meus braços e ficando de frente para mim.- Entendeu?- Ela deu um sorriso.
- Estendi.- Retribuo o sorriso e Betty se vira ficando novamente de costas para mim.
      O filme acabou, estava de noite já, olhei para Betty e ela já estava dormindo. Acabei pegando no sono junto com ela.

~Elizabeth Cooper

      Acordei de manhã com o despertador que estava tocando dentro do quarto de Jughead e a gente tinha dormido no sofá.
      Ele ainda estava me abraçando, eu me viro em seus braços ficando de frente para ele. Jughead ainda dormia, nossa como eu amo olhar ele dormindo.
      O despertador parou de tocar sozinho, eu fiz um carinho no canto da sobrancelha de Jughead, eu amava fazer isso. Ele deu uma mexida na sobrancelha e depois resmungou. Dei uma risada leve e ele abriu os olhos devagar.
- A gente tem que ir para a escola.- Falo me levantando.
- A gente poderia ficar aqui.- Jug me puxa pela cintura de volta para o sofá e me abraçando.
- É uma boa ideia.- Comecei rindo.- Mas eu já faltei demais. E também temos o final de semana, hoje é sexta!
- Tem razão.- Ele continua me abraçando e depois fecha os olhos.- Só mais cinco minutos.
- Está bem.- Dou um sorriso de lado e depois fecho os olhos também.
      Os cinco minutos se passaram, e eu acordei Jug de novo, dessa vez ele levantou. Eu peguei minha roupa que estava no quarto dele e me troquei.
Depois vou para a cozinha e Jughead estava fazendo panquecas, o que me surpreendeu porque eu pensava que ele só comia no Pop's.
- Como eu não sabia que você sabe fazer panquecas?- Me aproximo dele rindo.
- Quando só se tem um pai bêbado em casa, precisa aprender a fazer algo do tipo, se não aprendesse a cozinhar, teria diabetes.- Jug responde rindo.
- Entendi.- Dou um beijo no canto da boca dele e depois dou um sorriso.
Jughead pega as panquecas e coloca em dois pratos. Ele entrega um para mim e depois se senta na pequena mesa que tinha na cozinha. Me sentei na frente dele e comecei a comer.

~Jughead Jones

      Depois de comer, eu me troquei e nós fomos para a escola juntos. Sempre de mãos dadas e com os dedos entrelaçados.
Chegamos na escola, a primeira coisa que eu consegui ver foi Veronica e Archie se agarrando encostados em um armário (provavelmente o da Veronica). Olho para Betty com os olhos arregalados, a expressão dela era exatamente igual a minha, ela olhou para mim. De repente ela começou a rir, eu ainda estava com os olhos arregalados sem entender nada. Fiquei parado olhando para eles, por alguns segundos e depois olhei para Betty, que ainda ria com a mão na boca.
- Meu Deus.- Não consegui me conter e comecei a rir junto com a Betty.
A gente começou a andar e passamos direto por eles -acho que nem perceberam- e fomos para a aula.
Depois das primeiras aulas, eu fui até o refeitório, e vi que Archie estava sentado em uma mesa sozinho.
- Não vai comer nada?- Archie pergunta arqueando a sobrancelha.
- Depois da cena que eu vi hoje de manhã, nunca mais vou conseguir comer na vida.- Coloco a mão na boca para rir.
Archie me olha não entendendo nada.
- Por que não me disse que você e a Veronica tinham voltado?- Questiono.
- Aaaaaaah.- Ele coloca a mão na testa.- Veronica chegou em mim hoje, falando que o pai dela começou a me aceitar e aceitar o nosso namoro.- Archie levanta os dois ombros.
Ainda não tinha parado de rir, Archie começou a rir junto comigo.
- Qual o motivo da graça?- Veronica se senta junto com Betty.
- Nada.- Respondo negando com a cabeça.

VARCHIE CHEGOU CHEGANDO KKKKK
na verdade, quando a Betty tinha encontrado eles se pegando no banheiro (risos), eles não tinham terminado, eles estavam namorando escondido, kkkkk

Espero que tenham gostadooooo
Bjinhoooos

a love story. ❃ bugheadLeia esta história GRATUITAMENTE!