Capítulo 4

12.7K 1.4K 1.4K

Era hora do almoço na segunda-feira à tarde, quando Harry foi para o auditório da escola. De vez em quando, quando ele estava tendo um dia difícil, ele vinha aqui, pegava uma das guitarras e cantava músicas que expressasse como ele estava se sentindo. Ele realmente estava precisando de uma fuga. Ele teve uma terrível briga com Liam. Harry acidentalmente esbarrou em seu ex-amigo, que não ficou muito satisfeito. Ele empurrou o menino de cabelos encaracolados no chão, o acusou de tentar molestá-lo, em seguida chutou seu estômago. Não foi um chute muito forte, mas ainda assim foi um chute.

Harry empurrou a raiva e as lágrimas para trás, enquanto movia seus dedos ao longo das cordas da guitarra e começou a cantar uma música que ele tinha escrito.

“Do you ever feel like breaking down?

Do you ever feel out of place,

Like somehow you just don’t belong

And no understands you?

Do you lock yourself in your room

With the radio on turned up so loud

That no one hears you’re screaming?

No, you don’t know what it’s like

When nothing feels all right

You don’t know what it’s like

To be like me

To be hurt

To feel lost

To be left out in the dark

To be kicked when you’re down

Too feel like you’ve been pushed around

To be on the edge of breaking down

And no one’s there to save you

No, you don’t know what it’s like

Welcome to my life”

Harry estava tão perdido em suas emoções e nas palavras que ele estava cantando, que não tinha percebido a pessoa que estava por perto, o ouvindo cantar. Não até que ele terminasse e o menino que estava ouvindo dissesse algo.

“Você tem uma voz linda.”

Harry pulou um pouco e rapidamente olhou para cima. “Louis, o que você está fazendo aqui?”

“Eu estava procurando você.”

Harry pareceu confuso. “Por quê?”

Louis se mexeu desconfortável por um momento, antes de responder. “Eu só quero falar com você, te conhecer.”

“Você quer me conhecer?” Harry perguntou surpreso que um jogador de futebol queria alguma coisa com ele.

‘“Sim, você parece ser muito legal.”

Harry estreitou os olhos. “Você está brincando comigo? Isso é algum plano maligno do Liam ou Zayn ou todos os outros para que depois possam rir mais ainda da minha cara? Ou melhor ainda, me deixar aqui sozinho, e em seguida, eles vierem bater como o inferno em mim?”

“Não Harry.” Louis respondeu com uma risada: “Eu estou falando sério. Isso é o que eu tenho tentado te dizer nos últimos dias. Eu não sou como os outros jogadores de futebol. Eu não quero te machucar.”

Harry deu um sorriso enquanto olhava para os olhos azuis do menino ao lado dele. Bem, Harry pensou, Louis Tomlinson pode realmente ser diferente.

“Bem, nesse caso, sente-se e podemos conversar.” Louis sorriu e sentou-se ao lado de Harry no palco.

More Than Meets The EyeWhere stories live. Discover now