Já somos amigos? part.1

1.5K 103 4

~Elizabeth Cooper

      Do lado de fora do Pop's, consigo ver Jughead tomando um milkshake, e ao seu lado um funcionário que parecia seu pai, e estava olhando para cá.
- Aí não.- Me virei de costas e respirei fundo.
- O que foi filha?- Minha mãe se virou também olhando para mim.
      Olhei para Jughead de novo, e minha mãe também olhou.
- FP?- Ela colocou um sorriso no rosto, e foi andando até o Pop's.
- O que? Quem é FP?- Segui minha mãe até dentro da lanchonete.

~Jughead Jones

      Tomo o meu milkshake vendo meu pai sorrindo e olhando para a Alice. Vejo que elas entraram e olho diretamente para Betty, nossa, como ela está linda, pensei. Meu pai se levanta com um grande sorriso estampado em seu rosto.
- Alice!- Ele grita e vai em direção a mulher.
- FP!- Ela abraçou meu pai com muita força. Parece que eles já se conhecem a muito tempo.
      Betty me olha dando risada, e eu levanto meus ombros não entendendo nada.
- Pensei que nunca mais iria vê-la.- Meu pai afasta a tal de Alice.
- Eu também.
- Vem, se senta aqui.- Ele faz um sinal para a Alice se sentar em uma mesa.

~Elizabeth Cooper

      Olho para Jughead por algum tempo, depois decido ir me sentar na mesma mesa que ele.
- Oi.- Dou um sorriso.
- Oi.- Jughead responde.- Pensava que não iria ver você mais hoje.
- Digo o mesmo.- Dou risada e depois olho para a mesa em que minha mãe estava sentada com o FP.- É seu pai?
- Sim.- Ele dá um sorriso.- Sua mãe?
- É.
      Observo Jughead tomando o seu milkshake e depois de algum tempo paro de olhar para não ficar estranho.
- Me conte sobre você.- Jughead falou.
- Sobre mim? Hum.- Pensei um pouco no que falar.- Eu vim de Los Angeles...
- Nossa.- Jug me interrompeu.- É uma grande mudança.
- É sim.
- Está bem, continua.- Ele deu um sorriso de lado.
      Contei a grande HISTÓRIA DA MINHA VIDA, para ele.

~Jughead Jones

      Elizabeth Cooper tinha uma história bem curiosa e bem interessante, prestei atenção até nos mínimos detalhes.
      Foi ficando tarde, e meu pai não parava de falar com a Alice. Descidi ir embora sozinho então.
- Quer que eu te leve para casa?- Perguntei para Betty que estava sentada na minha frente.
- Não precisa, obrigada.- Dei um sorriso e olhei para a minha mãe.- Vou esperar ela.
- Esqueceu o caminho de casa?- Falei dando risada.
- Quase isso.- Betty sorria, seu sorriso era tão lindo, poderia ficar o dia inteiro admirando o seu sorriso.
      Isso é o começo de alguma coisa, pensei.
      Então fui embora. Cheguei em casa, tomei um banho, e fui direto para a cama, tudo o que eu mais precisava nesse momento. Fui dormir pensando em Betty, claro, o que eu não parei de pensar o dia inteiro.

ᴜᴍᴀ ʜɪsᴛᴏʀɪᴀ ᴅᴇ ᴀᴍᴏʀ ➢ ʙᴜɢʜᴇᴀᴅLeia esta história GRATUITAMENTE!