Capítulo 06 - Pedido

1.2K 112 43

Primeiramente, quero agradecer a vocês pelas visualizações, em dez dias Perdida alcançou a marca de mil visualizações! Isso é demais para mim! Muito Obrigadaaaa!

Em segundo lugar, esse capítulo será um pouco maior do que os outros, pois eu precisava colocar tudo isso. Tentarei não estender muito os capítulos, todo mundo sabe que em Submersa, o livro ficou mega cansativo com capítulos enormes! Beijinhos... Espero que gostem!

~**~

Acordei e me ergui no susto quando notei que estava quase caindo da cama. Meu braço estava tombado para o lado e meu corpo faltava muito pouco para cair no chão. Bocejei enquanto esfregava meus olhos para espantar o sono e percebi a luz entrando através da janela. Já estava de manhã. Me ergui da cama jogando o fino lençol, que eu havia colocado sobre o corpo na noite passada, para o lado e ouvi o som de algo caindo. Um pequeno bloco de folhas estava no chão ao lado do enigma. Lembrei que havia me recostado na cama para tentar solucioná-lo no dia anterior, obviamente eu havia pegado no sono.

Voltei a me sentar e puxei o bloco para o colo, ali havia algumas anotações feitas anteriormente e tornei a lê-las junto com o enigma.

O solo inimigo é seu ponto inicial

Naturalmente Chidiyon possuía duas opções para inimigos, os humanos e os feiticeiros. Precisava saber qual dos dois estavam indicados ali. O que importava era que qualquer um dos dois me dizia que seria um problema dos grandes, mesmo assim eu preferia que fossem os humanos.

A estrela do dia seu prêmio

Só havia uma estrela durante o dia e se eu estivesse levando para o sentido literal da palavra, esta seria o Sol. O problema era, como o Sol seria o meu prêmio? Isso não fazia nenhum sentido e dava a mim mais uma confirmação de que talvez não fosse essa a resposta.

O Mundo de Luz seu objetivo e o reino das águas que descem do céu traçarão seu caminho

Aqui era fácil saber que se referia à Waterfly que me guiou até o Templo de Állya, mas meu conhecimento acabava por ali. O tal Mundo de Luz era o que mais me deixava intrigada, porém de fato parecia ter algo comum com a parte anterior, sobre a estrela do dia.

O Gykall será seu guia primordial

Eu não fazia ideia do que seria isso e ninguém no palácio também parecia saber, mas confesso que sentia algo familiar em relação a ele. Quanto aos livros? Nem se fala. Era tão estranho não encontrar absolutamente nada sobre aquilo nas escrituras. Por algum motivo eu sentia que se aquela parte fosse resolvida, o restante do enigma faria sentido.

Atente-se,

Nem tudo o que brilha é precioso

Observe,

Nem toda simplicidade está longe do verdadeiro poder

O ouro brilhará diante da luz

O verdadeiro coração abrirá as portas lacradas

Os disfarces serão revelados e a identidade verdadeira assumida

Até aqui não havia dúvidas de que eram como conselhos para serem seguidos durante a minha missão. Mas o que mais me deixava agoniada eram as últimas palavras.

As feridas serão novamente abertas

Mas seu destino se cumprirá quando no topo pisar

O Mistério de Allíshya - Perdida | Livro 03Leia esta história GRATUITAMENTE!