30

832 69 10

NARRADO POR AARON THOMPSON:

— Hugh Faily, compareça imediatamente até o andar presidencial. – Digo através dos auto-falantes da empresa.

Nenhum nome da minha lista havia me servido, a maioria era de setores diferentes e só conheciam Bart de vista e sem contar com todo o clima que eu causava. Hugh Faily caminhou apressado até a minha sala, os óculos redondos escorregando dos olhos, aquilo fazia ele parecer patético. Mordi o lábio prendendo uma risada, apesar de tudo, era uma situação extrema e perigosa.

— O senhor mandou me chamar. – Ele se sentou em minha frente, os braços coçando a cabeça a cada instante e o suor pingando de sua testa revelava o quão nervoso ele estava.

— Não deixei que você sentasse, senhor Faily. – Sorri. — Estou brincando.

— Me perdoe. – Ele diz, atrapalhado.

— Vamos direto ao ponto, Hugh. Posso te chamar assim? – Brinco.

— Claro, claro que pode. – Ele gagueja.

— Você conhecia Bart Benett? – Pergunto.

— Eu não me recordo muito bem, senhor Thompson.

— Ah, não? Resposta errada, Hugh. Vou te ajudar, a reposta é: Sim, eu o conhecia.

— Sim, eu o conhecia. – Ele repete.

— Eu vou te dar três segundos para você começar a falar.

— Eu não sei nada sobre isso.

— Um. – Sorrio.

— Eu juro que... – Ele começa.

— Dois. – Mordo o lábio. — Três.

— Eu o ajudei porque ele ameaçou a minha família, ele estava vigiando os meus filhos, eu não tinha escolha! Os homens dele me seguiam, eu prometo que não quis. – Ele se desesperou, as mãos chacoalhavam no ar.

— No que exatamente você estava envolvido? – Me aproximo.

— Eu vigiei Oliver Thompson. – Ele sussurra.

— Ah, Faily! Não vou tirar o seu emprego, mas espero que você saiba que isso terá consequências. – Falo calmamente.

— Eu não tive como...

— Vou ver o que faço por você, sei como Bart pode ser persuasivo.

Faço um sinal para que ele saia e ligo para a sala de Summer, estávamos finalmente encontrando as soluções e os suspeitos. A nossa lista havia aumentado e Bart estava cada vez mais afogado em crimes, o que me deixava nervoso porque ter Summer lidando com um criminoso desse tipo.

Mensagem enviada por Linda Sullivan, ás 9:56 AM:

Conseguiu algo de Hugh?

Respondo a mensagem de Linda que havia sido minha parceira nas últimas visitas. Nada conseguia prender minha atenção no trabalho porque a única coisa que eu pensava era em Bart. Em como ele destruiu a vida de todos a sua volta, sem remorso. Como ele destruiu a vida do meu pai.

Doce SeduçãoLeia esta história GRATUITAMENTE!