Capítulo 20 - Luta sangrenta

301 46 144


Kol acelerava o máximo que seu GTO podia pela estrada em direção à Buffalo

Oops! This image does not follow our content guidelines. To continue publishing, please remove it or upload a different image.

Kol acelerava o máximo que seu GTO podia pela estrada em direção à Buffalo.

— Droga, Malcolm. Em que merda você foi se meter? — Resmungou para si mesmo.

Dereck tinha explicado rapidamente o que estava acontecendo e onde estavam quando ligou para ele.

Malcolm tinha escutado que um dos últimos lugares em que seu irmão Niko tinha sido visto era aos arredores da cidade de Orchard Park, ao sul de Buffalo.

Mas quando Malcolm chegou lá, só o que encontrou foi um o corpo mutilado do irmão, enterrado perto de um estacionamento de trailers na cidade.

Dereck disse que só recebeu a mensagem do alfa, dizendo que Niko estava morto, e que ele tinha encontrado um rastro dos Desauridos na região. Pelo tom de voz do velho lobo, ele pretendia caçar os assassinos sozinho.

Malcolm, você sabe que isso está com cara de armadilha.

Kol sabia que Niko era o único irmão vivo do alfa, a morte dele devia estar nublando os pensamentos do velho lobo. E aquilo era perigoso.

De Clarence até Orchard era uma viagem de quase uma hora, mas Kol a fez em pouco mais da metade do tempo. Melhor nem pensar nas multas que vou levar por excesso de velocidade.

Quando passou pela placa de boas vindas da cidade, ele sentiu um cheiro familiar de alguma coisa correndo ao lado de seu carro, tentando alcançá-lo. Estacionando no acostamento, Kol abriu a porta e desceu do carro para esperar por Dereck.

O lobo cinzento saiu da floresta que ladeava a pista, mudando de forma pouco antes de deixar a proteção das árvores.

— Segui o rastro dele até um pátio onde carcaças de trens velhos são guardados. — Disse, se aproximando do carro. — Também senti o cheiro de Desauridos. Não sei ao certo quantos, oito talvez.

— Que ótimo! — Kol disse, fechando os punhos. — Acha que ele ainda está vivo?

— Não sei dizer, não pude chegar muito perto. Liguei para alguns amigos que vivem por aqui. Eles chegaram um pouco antes de você e estão por perto do pátio.

— Quantos? — Kol perguntou.

— Contando com a gente, somos sete. O encontro das matilhas foi perto de Springbrook. Eu estava voltando para lá quando Malcolm me ligou. A maior parte de nossos aliados ainda estão lá, eu já os chamei, mas...

— Pode ser que Malcolm não tenha tempo de sobra. — Kol concluiu. — Não podemos esperar por reforços, se ele ainda estiver vivo precisamos agir agora.

Os dois subiram no GTO e Kol seguiu as indicações de Dereck até se aproximarem do pátio de trens velhos.

No caminho ele enviou uma mensagem ao celular de Erik, para deixá-lo a par do que estavam fazendo. Se tudo der errado, pelo menos vão saber o que aconteceu.

A filha do fogo - Ragnarok Saga 1 (Vencedor Wattys 2018)Leia esta história GRATUITAMENTE!